Siga-nos

Perfil

Expresso

Chamem-me o que quiserem

Não há imigrantes ilegais!!!

  • 333

A afirmação é propositadamente provocatória. Há seres humanos ilegais só por estarem fora do espaço em que nasceram e cresceram? E quanto, neste conceito, há de antiquado? A Europa pode continuar a fechar as portas aos milhares de desgraçados e desesperançados que querem vir para cá? É possível - eu há anos que o nego - um polo tão rico como a Europa viver rodeado de miséria, sem se tornar numa atração irresistível? É possível a integração dos que imigram?

Henrique Monteiro

Henrique Monteiro

Redator Principal

Numa entrevista carregada de bom senso (não podia ser de outro modo, tendo em vista quem é) que Umberto Eco concedeu, na última revista do Expresso, a Luciana Leiderfarb, o professor e escritor italiano afirmava, a meu ver muito bem, que o que se passa no mundo não é um fenómeno de imigração, mas de migração. Ou seja, é um fenómeno normal, que se repetiu inúmeras vezes ao longo da História, como ele recorda. A queda do Império Romano, vista pelos romanos e pela vox populi deu-se depois de invasões bárbaras. Mas não houve invasões nenhumas. Apenas gente que migrou por necessidade, nomeadamente necessidades geradas por alterações climáticas. Temos de falar disto, temos de saber o que fazer antes de transformar definitivamente o Mediterrâneo num cemitério.

 

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI