Siga-nos

Perfil

Expresso

Autoeuropa: Entre a loucura e bom senso

Há dias, no lançamento de um livro de Eduardo Marçal Grilo, António Vitorino recorreu à velha máxima de quem o bom senso é das coisas mais escassas no mundo. Tem razão e o caso da Autoeuropa demonstra-o. Lembram-se de há uns tempos ter havido uma recusa (depois de um referendo perdido pela Comissão de Trabalhadores) em trabalhar ao sábado, mesmo com compensações?

A Volkswagen que queria produzir o seu novo modelo T-Roc não via com bons olhos estas movimentações, tanto mais que sempre tinha conseguido chegar a acordos proveitosos para ambas as partes (trabalhadores e empresa). Ameaçou produzir o carro noutras paragens. Entretanto, o tempo passou, houve novas eleições para a Comissão de Trabalhadores e os conflitos amainaram.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito para Assinantes ou basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso. pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)