Siga-nos

Perfil

Expresso

Os nossos irmãos de Alexandria

Foi enorme e terrível o crime cometido na principal igreja de Alexandria, no Egito, terra onde os muçulmanos e cristãos são iguais entre si. Foi, como sempre acontece em atos terroristas, uma barbárie. Mas permita-se que lembre alguns e diga a outros que Alexandria é para os árabes que vieram do leste para conquistar o Norte de África aos cristãos, em nome de Maomé, uma espécie de Roma ou Jerusalém para nós

Os cristãos coptas de Alexandria são-no, no geral, descendentes de cristãos mais antigos do que os mais antigos de Portugal. E apesar de serem apenas menos de 10% da população do Egito (o que, na verdade é quase a população de todo Portugal) a eles lhe devemos muito do conhecimento que temos – incluindo saber decifrar os antigos hieróglifos do tempo dos Faraós.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito: basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso. pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)