Siga-nos

Perfil

Expresso

Ainda o salário mínimo e a TSU

Confesso que sempre me atraiu a ideia de se baixar a Taxa Social Única (TSU) como forma de criar emprego. Não posso, por isso, dizer que o Governo tenha feito mal na Concertação Social. Já mais confusão me fazem os partidos que o apoiam, PCP e Bloco, por se oporem de forma tão incisiva a uma pequena redução, embora ela tenha os seus riscos. Mas, como em tudo na vida, há que medir oportunidades e ameaças

A ameaça é que pagar o salário mínimo pode tornar-se mais atrativo, uma vez que o desconto de 1,25% na taxa por parte da entidade patronal corresponde a uma redução de cerca de oito euros por trabalhador. Ora, como o mínimo é 557 euros, não faz sentido pagar um pouco acima porque onera a TSU. Mas haveria uma oportunidade, do meu ponto de vista, para quem queira mais justiça no pagamento da Taxa Social Única.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito: basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso. pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)