Siga-nos

Perfil

Expresso

Aparelho de Estado

Sondagens e frases feitas

As sondagens valem o que valem. Mas mais vale ir à frente do que atrás. E claro: prognósticos só no fim do jogo.

Vasco Campilho (www.expresso.pt)

Entre estas três frases feitas, qualquer político consegue safar-se quando instado a comentar uma sondagem. Escolhendo uma, ou em combinação. Vejamos:

A sondagem é má? Vale o que vale. E olhe (a esperança é a última a morrer) prognósticos só no fim do jogo.

A sondagem é boa? Nas sondagens mais vale ir à frente do que atrás. Mas (pitada de humildade fica sempre bem) esta sondagem vale o que vale.

A sondagem é inconclusiva? Repare: prognósticos só no fim do jogo. Isto das sondagens (nunca se sabe se vem aí uma melhor) vale o que vale.

Funciona sempre.