Siga-nos

Perfil

Expresso

100 reféns

Uma mulher casou consigo própria, acredita?

Estava farta de estar só e resolveu casar. Depois de um longo namoro que durou 45 anos deu o nó consigo mesma, acabando finalmente com a solidão. Surreal esta história.

Tiago Mesquita (www.expresso.pt)

"Chen Ching, de 45 anos, casou-se este sábado, em Nantou, Taiwan, consigo mesma. Chen, que é psicoterapeuta, subiu ao altar vestida de branco e foi guiada pelo braço da mãe. A mulher revelou estar muito feliz por ter sido capaz de se conhecer a ela própria e se ter apaixonado por si. Chen disse que levou dois meses a preparar o casamento, e não descurou nenhum pormenor desde os convites, o vestido, a boda, a limusina até ao fogo-de- artifício." Jornal i

Esta senhora fez o que muitas mulheres e homens querem fazer mas não conseguem. Casou com ela própria. Acho até que era uma boa medida para este governo levar a discussão na AR. Estou a ver o Primeiro-Ministro José Sócrates a casar-se com ele próprio com relativa facilidade. A olhar-se ao espelho e a dizer "casas comigo José?". Sorrindo abertamente e dizendo um "Sim" pleno de emoção. Beijando de seguida o espelho longa e apaixonadamente.

Mas o notável nesta notícia é imaginar todo o processo. Como é que esta senhora anunciou à família? Juntou todos num restaurante e entre crepes, Chow Min de Gambas e banana frita pediu ao pai a sua própria mão em casamento? "Olhe pai encontrei a mulher da minha vida e ela pediu-me em casamento" "Mas tu és lésbica minha filha?" "Não pai, ou melhor não sei bem, mas a verdade é que apaixonei-me por mim mesma e quero casar. Não consigo viver nem mais um dia sem mim e estou farta de estar sozinha meu pai. E como já estou a ficar "entradota" qualquer dia ninguém me pega. Dá-me a sua bênção?"

No caso da Senhora Chen ter um envolvimento com alguém fora do "casamento" este é considerado traição? Ou uma traição anula a outra porque o casal é constituído por uma só pessoa? Senta-se numa cadeira, sozinha obviamente, e diz: "tenho uma coisa para te contar". " A sério? Também eu". "Conheci outra pessoa e envolvemo-nos" "Ufa... também eu... e andava há muito tempo para te contar, assim fico mais aliviada". "Quem é ele?" "É o Xian, da tesouraria. E o teu?" "O meu também, o sacana do Xian! Anda metido com as duas ao mesmo tempo! E ainda me disse que tu eras feia como uma bota da tropa e que não percebia como estávamos casadas"

"Muito bem. Vamos dar-lhe uma lição, amanhã quando estiveres com ele eu apareço, quero ver a cara daquela besta quando nos vir juntas. Se ele pensa que entra assim na vida de um casal e a destrói está muito enganado"