Siga-nos

Perfil

Expresso

Telegramas da saída limpa

Ricardo Costa

Ricardo Costa

Diretor de Informação da SIC

A tolerância de ponto faz sentido?

Pelo menos dois deputados do PS discordaram publicamente da tolerância de ponto anunciada pelo Governo para o dia 12 de maio, data em que o Papa Francisco chega a Portugal. As razões que invocam são genericamente corretas, sobretudo quando apontam para o facto de vivermos num Estado laico e com estrita separação entre a Igreja Católica e as funções do Estado. Mas os deputados não têm grande razão ao mostrarem surpresa pela decisão governamental. A tradição tem sido essa e é natural que ainda se mantenha.

Estou muito à vontade para falar de Fátima, sem qualquer condicionalismo. Sou ateu, não tive educação religiosa e não sou batizado. Foi uma opção dos meus pais - os dois com forte educação católica - que nunca alterei por nunca ter encontrado qualquer razão para o fazer. Não sei se algum dia passarei a ser crente, mas duvido seriamente. O mais próximo que me senti do catolicismo foi através da música, da literatura ou do cinema.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito: basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso. pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)