Siga-nos

Perfil

Expresso

Telegramas da saída limpa

Ricardo Costa

Ricardo Costa

Diretor de Informação da SIC

Brasil: e vai um ministro (como se estava mesmo a ver)

  • 333

Nos últimos meses optei por escrever poucas vezes sobre o Brasil. Apesar de achar que já nada podia regenerar um governo minado por corrupção, domínio do aparelho de Estado e gravíssimos erros económicos, não percebia como é que um impeachment podia mudar o estado das coisas.

A destituição de um Presidente é sempre uma decisão radical, mas ao contrário do afastamento de Collor - que estava indiciado - este caso levantava um precedente jurídico muito complexo e nem servia, como o anterior, para legitimar uma democracia recente. Serve, isso sim, para legitimar uma troca de poder a meio de um mandato.

Ora, no Brasil, troca por troca dentro do atual quadro parlamentar é escolher entre o que é mau e...

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito: basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso. pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)

  • Governo de Temer: branco e sem nenhuma mulher

    A composição do novo Governo ignora duas maiorias da população do Brasil: mulheres e negros. Michel Temer é o primeiro Presidente do Brasil a não incluir nenhuma ministra mulher desde 1979

  • Conservador, recatado e presidente. Começaram os seis meses de fama de Temer

    Membro do conservador PMDB, o novo presidente interino do Brasil é acusado pela esquerda de liderar o golpe que levou à suspensão de Dilma Rousseff. Sem a legitimidade das urnas e sem o apoio dos eleitores, que na sua maioria não o querem na presidência, o homem que até agora estava praticamente limitado ao protagonismo da mulher “bela, recatada e do lar” tem 180 dias para ganhar notoriedade. Muitos antecipam que vai entrar para os anais como o político que ditou uma viragem do Brasil à direita depois de uma década de políticas progressistas