Siga-nos

Perfil

Expresso

Telegramas da saída limpa

Ricardo Costa

Ricardo Costa

Diretor de Informação da SIC

Há uma enorme diferença entre ter medo e brincar com os mercados

  • 333

Os mercados, ai os mercados. Nos dias que correm quase não se fala de outra coisa. A conversa tem um lado histérico, epidérmico e tonto, mas tem também um lado verdadeiro e potencialmente perigoso. E se é estúpido ficar em transe com uma queda da Bolsa - que, por acaso, quase não tem liquidez e tem as ações do setor financeiro em extrema dificuldade há muito tempo -, também é igualmente tonto achar que uma queda contínua no mercado onde se transaciona dívida pública não tem perigos. É claro que tem.

E, aliás, esse é o maior perigo que o eventual governo de esquerda e o país enfrentam. Qualquer aperto sério pode obrigar a revisão do Orçamento de Estado e o governo do PS terá poucas condições políticas para o fazer. A dívida pública é o maior perigo que o governo de esquerda e o país enfrentam.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI