Siga-nos

Perfil

Expresso

A Tempo e a Desmodo

Genética: estamos a acordar Hitler

  • 333

Quando se fala de genética, a conversa gira em torno da velha ambição de Ícaro ou Prometeu: somos demasiado ambiciosos? Estamos a tomar o lugar de Deus? O problema é que este ângulo omnipresente esconde uma pergunta mais simples: não estaremos a acordar Hitler com a nossa crescente obsessão com a genética? Não estaremos a namorar com o nazismo sem darmos por isso? É que uma coisa é ajudarmos um ser humano a superar uma doença através da técnica, outra coisa é mudarmos e aperfeiçoamos até ao ínfimo detalhe a própria natureza humana através dessa técnica. Ora, não existe um debate moral alargado sobre esta diferença. Estamos mais uma vez desarmados perante os apóstolos da genética. 

 

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI