Siga-nos

Perfil

Expresso

UBI como estado social do século XXI?

Numa lógica parecida à dos discos pedidos, muitos amigos e leitores andam há meses a pedir-me textos sobre a revolução de 1917. A minha resposta ao óbvio pedido tem sido sempre a mesma: temos de largar o quentinho dos debates óbvios e que reconfortam as nossas convicções; temos de ir para o frio e debater a incerteza do futuro próximo, até porque teremos uma revolução parecida à de 1917 se não resolvermos os problemas que temos em cima da mesa; parece-me mais interessante discutir coisas como por exemplo a florescente ideia do rendimento básico universal (universal basic income - UBI).

E o curioso é que esta ideia encaixa mais facilmente na direita do que na esquerda. Porquê? Porque é que a ideia de passarmos um cheque anual de 13 mil euros a cada cidadão é mais apelativa à direita do que à esquerda?

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito para Assinantes ou basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso. pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)