Siga-nos

Perfil

Expresso

O cavalo de Carlos César

José Caria

Reza a lenda que Calígula, no auge na loucura nepotista, nomeou o seu próprio cavalo para o cargo de procônsul. Ora, tendo em conta o historial de nepotismo objetivo e verificável do socialista Carlos César, convém desde já fazer a pergunta que se impõe em nome do ethos nepotista que nos apascenta: para quando a nomeação do cavalo de Carlos César para um cargo público? Ou, para atualizarmos a parábola, para quando a nomeação do cão ou do gato da família César para um cargo no governo regional dos Açores ou na câmara de Lisboa do amigo Medina, que está lá para as ocasiões?

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito: basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso. pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)