Siga-nos

Perfil

Expresso

Um cão não é um bebé

A desumanidade de Peter Singer tornou-se rotina. Estar no café com as miúdas passou a ser sinónimo de estar rodeado de cães ao colo das donas. Estas pessoas tratam as alimárias como se fossem bebés, como se aquelas pequeninas bestas fossem seres humanos, até lhes dão roupas, beijinhos e um sortido de mimos.

O curioso é que o mimo hiperbólico que dão às alimárias é inversamente proporcional ao desprezo hiperbólico que oferecem aos outros seres humanos, o empregado do café, os outros clientes, as pessoas que passam. Cada beijinho no fofinho do canídeo é seguido por um olhar de ódio direcionado ao humanoide mais próximo.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito: basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso. pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)