Siga-nos

Perfil

Expresso

Trump e o “mas”

A direita costuma criticar o “mas” do relativismo moral da esquerda. Um ditador conotado com as direitas é um ditador. Um ditador conotado com as esquerdas começa por ser um santo; após o momento Khrushchev, passa a ser descrito como ditador, mas tem direito ao “mas” que o iliba de qualquer responsabilidade moral.

O ditador de esquerda, o guerrilheiro de esquerda e até o terrorista islamita são sempre presenteados com aquela pequena partícula atómica que desvia o fardo da culpa para o ocidente.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito: basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso. pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)