Siga-nos

Perfil

Expresso

A menina pode ser Darth Vader, o menino não pode ser Princesa Leia

  • 333

Se aparecesse na escola mascarada de Darth Vader, a minha filha faria um sucesso galáctico. Seria a figura imperial do recreio. Se aparecesse mascarado de Princesa Leia, o primo da minha filha seria alvo da chacota de colegas e do olhar reprovador dos adultos. No máximo, seria recebido com um olhar parodiante. Porque é que isto é assim?

Repare-se que não estou a julgar. Estou apenas a constatar aquilo que me parece um facto evidente: mesmo depois de décadas de pós-modernismo, de feminismo radical e da conversa sobre a igualdade entre géneros, um rapaz ainda não se pode vestir de Princesa Leia, embora a menina já se possa vestir de Darth Vader sem grande drama. Quer isto dizer o quê?

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI