Siga-nos

Perfil

Expresso

Os médicos ganham menos do que os maquinistas do Metro

  • 333

Não vou falar da tragédia em concreto do jovem David Duarte e da aparente incúria ou insensibilidade do Hospital de São José. Quero apenas recordar uma conversa que tenho mantido ao longo destes anos com algumas amigas médicas. É uma conversa parecida com um velho tabu da política: pagamos pouco aos políticos e pagamos pouco aos médicos. Se é tabu dizer que devíamos pagar mais aos políticos, já não é tabu dizer que devíamos pagar mais aos médicos.

Ou melhor, o tabu só surge quando analisamos a causa do salário insuficiente dos médicos: há funcionários públicos a mais, o dinheiro dispersa-se por demasiada gente e, por essa razão, os funcionários públicos realmente essenciais (dos médicos aos agentes do fisco, passando pelos magistrados e polícias) não recebem o salário justo. É este o pecado original do nosso Leviatã. E a incapacidade para reverter esta situação foi sem dúvida o pecado original do governo Passos e Portas.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI