Siga-nos

Perfil

Expresso

A esquerda no colinho de Putin (e dos islamitas)

  • 333

Sim, Jeremy Corbyn é um museu oitocentista. Olhamos para ele e vemos as barbas fabianas de George Bernard Shaw. Mas isso não é novidade. Já sabíamos que a esquerda (isto é, a esquerda marxista ou socialista) só sabe ver 2015 com os olhos de 1975, 1945 ou mesmo de 1885. A esquerda não está parada no tempo. É pior do que isso. A esquerda recuou no tempo. A velha senhora da utopia que se julgava dona do futuro é hoje uma força reacionária que só sabe habitar o passado. É assim em Londres e Lisboa.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI