Siga-nos

Perfil

Expresso

“Eu ajudo lá em casa”

  • 333

É uma expressão do marido moderno que procura ser moderníssimo, mas que na verdade acaba por revelar o velho machismo. É apenas um lifting na carcaça marialva, nova roupagem para prisão antiga: “eu ajudo lá em casa”. Quando diz isto, o sujeito assume que até põe a louça na máquina e que, num domingo de chuva há dois ou três meses, trocou uma fralda suja –momento marcante e deveras benemérito na vida do casal. Mas, mesmo que tivesse mudado mais do que uma fralda, mesmo que fosse o Pepe Rápido da mudança da fralda, o problema estaria sempre naquele “ajudo”. 

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI