Siga-nos

Perfil

Expresso

Quando o Fernando Alvim quis dormir comigo

  • 333

Certa vez, o Fernando Alvim enviou-me o seguinte sms: “Olá! Cheguei ao Porto, não queres vir dormir comigo?”. Tratou-se de um evidente equívoco. O Alvim sabe que eu não vivo no Porto e também sabe que sou um portento de heterossexualidade. Aliás, quando almoçamos juntos, eu e o Alvim concentramos metade do PIB heterossexual da pátria. Estamos mesmo em pensar em abrir um estaminé que poderá salvar a nossa balança comercial: “Raposo & Alvim, testosterona para exportação”. Portanto, o equívoco gerou um mistério: quem era a destinatária original do sms perdido? Quem é a esbelta criatura que tem o azar de estar ao meu lado na lista de contactos do Alvim? 


Para continuar a ler o artigo, clique AQUI