Siga-nos

Perfil

Expresso

Ah, mas isso são tecnicalidades!

  • 333

Quatro agências de rating que são só as mais importantes do mundo;
Comissários e técnicos da Comissão Europeia;
Conselheiros do CES, Conselho Económico e Social;
Técnicos da UTAO, o organismo do Parlamento nomeado para analisar a forma de construção dos orçamentos do Estado;
Conselho de Finanças Públicas, o organismo independente cuja missão é avaliar a consistência das políticas económicas e financeiras;
Todos desconfiam da solidez das contas e das previsões de Mário Centeno e de António Costa no Orçamento do Estado de 2016 e da sustentabilidade das apostas nas Grandes Opções do Plano.

Faz lembrar aquela história do condutor na autoestrada que diz para a mulher: olha que perigo, eles estão todos a conduzir em contramão!

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI