33

A entrevista que interessa: Malik explica porque deixou os One Direction (envolve caminhos desviantes, diz ele)

Anterior
Apoiantes de Hugo Chávez "pintam" de vermelho centro de Caracas
Seguinte
Suspeito da "Noite Branca" detido pela PJ por tráfico de droga
Página Inicial   >  Atualidade / Arquivo   >  Bloco apoia candidatura de Alegre a Belém

Bloco apoia candidatura de Alegre a Belém

O líder do Bloco de Esquerda considera que a candidatura "supra-partidária" de Manuel Alegre trará "um projecto mobilizador de esperança e de convergência". (Veja o vídeo no fim do texto)
Lusa |
Uma candidatura presidencial não faz parte da disputa legislativa entre partidos, afirma o líder do BE
Uma candidatura presidencial não faz parte da disputa legislativa entre partidos, afirma o líder do BE / António Coutrim/Lusa

O líder do Bloco de Esquerda (BE), Francisco Louçã, anunciou hoje o apoio do seu partido à candidatura "supra-partidária" de Manuel Alegre nas próximas eleições presidenciais, considerando que este trará "um projecto mobilizador de esperança e de convergência".

"O BE regista a afirmação da disponibilidade da candidatura presidencial de Manuel Alegre e, tratando-se de uma candidatura supra-partidária, a eleição presidencial convoca uma exigência de responsabilidade totalmente distinta daquela que é o debate sobre a governação do país", declarou Francisco Louçã, em conferência de imprensa, em Lisboa.

Neste sentido, "o BE saúda, regista e apoia esta manifestação de vontade de Manuel Alegre" em candidatar-se à Presidência da República.

No entender de Louçã, "uma candidatura presidencial não faz parte da disputa legislativa entre partidos", na medida em que "está acima dos partidos, é supra-partidária".

Alegre faz a diferença


O dirigente do BE referiu, também, que "uma campanha presidencial é a disputa de um cargo uninominal, de uma pessoa que represente o país no momento das suas maiores dificuldades, da maior fractura social, da maior desigualdade e da maior injustiça, e que traga um projecto mobilizador de esperança e de convergência".

"E é assim que nós o apoiamos e creio que é aí que ele faz a diferença e essa é a razão pela qual o BE o apoia", reiterou.

No entender do líder do BE, "na contraposição à hipótese de Cavaco Silva suceder a Cavaco Silva [como Presidente da República], a necessidade de um grande debate público profundo sobre a mobilização da sociedade portuguesa no combate à injustiça coloca Manuel Alegre num plano supra-partidário que não é apropriávelpor nenhuma força política partidária e que contribui para uma mobilização de uma responsabilidade democrática, de uma democracia responsável".


Opinião


Multimédia

Edwin. O rapaz que aprendeu a sonhar

O que Edwin sabia sobre a vida era sobreviver. Na cabeça dele não cabiam sonhos e os dias eram passados à procura de comida para ele e para a mãe e para o irmão. A fome espreitava nos cantos da barraca de palha no Quénia e ele escondia-se dela como podia - chupar as pedras era uma forma de a enganar. Mas a sorte dele mudou porque alguém viu nele outra coisa. E tudo começou numa dança. Agora, os mesmos dedos que agarravam as pedras tocam hoje teclas de um piano Bechstein. E os pés dele já não estão nus mas calçados. Com chuteiras. Primeiro no Benfica, agora no Estoril, o miúdo de 15 anos que fala como gente grande descobriu que tinha um sonho: ser futebolista. Como Drogba.

Em três quartos de hora não se esquece só a idade. "Esquece-se o mundo"

Maria do Céu dá três voltas ao lar sempre que pode. Edviges vai a todos os velórios, faz hidroginástica e sopas de letras. António dá um apoio na Igreja e nos escuteiros. Tudo é uma ajuda para passar os dias quando se tornam todos iguais. No Pinhal Interior Sul, a região mais envelhecida da União Europeia, quase um terço da população tem mais de 65 anos. Os mais velhos ficaram, os mais novos partiram.

Profissão: Sniper

O Expresso foi ver como são selecionados, que armas usam, para que missões estão preparados os snipers da Força de Operações Especiais do Exército. São uma elite dentro da elite. Um pelotão restrito. Anónimo. Treinam diariamente com um único objetivo: eliminar um alvo à primeira, mesmo que esteja a centenas de metros. Humano ou material. Sem dramas morais, dizem.

Xarém com conquilhas

Especialista em pratos de confeção acessível, com ingredientes ao alcance de qualquer pessoa, Tiger escolheu a gastronomia como forma de estar na vida. Veja, confecione, desfrute e impressione com esta nova receita.

O que se passa dentro da cabeça dele

O que leva um tipo a quem iam amputando uma perna a regressar ao sítio onde os ossos se desfizeram, uma e outra vez, e testar os limites do seu corpo? Resposta: a busca pelo salto perfeito, que ele diz existir dentro dele e que ele encontrará mais dia menos dia. É a fé e a confiança que o movem e o levam a pular para lá do que é exigido a um campeão olímpico e mundial que não tem mais nada a provar a ninguém - a não ser a ele próprio. Este é um trabalho que publicámos em agosto de 2014, quando o saltador se preparava para os Europeus e falava das metas que tinha traçado para 2015 e 2016: mostrar que não estava acabado. Sete meses depois, provou-o no Europeu de pista coberta em Praga, onde venceu este fim de semana.

Amadeu, que aprendeu o mundo no campo e tinha o coração na ponta dos dedos

Em Portugal, a dedicação à língua mirandesa tem nome próprio: Amadeu Ferreira, o jurista da CMVM que - quando todos diziam que "era uma loucura impossível" - arranjou tempo para traduzir "Os Lusíadas", a "Mensagem", os quatro Evangelhos da Bíblia e ainda duas aventuras do Asterix para uma língua que pertence a um cantinho do nordeste português e é falada por menos de 15 mil pessoas. No final de 2014 deu ao Expresso aquela que viria a ser a sua última entrevista. Morreu no passado domingo e esta quinta-feira foi lançada a sua biografia, "O fio das lembranças", com quase 800 páginas.

Temos 16 imagens que não explicam o mundo, mas que ajudam a compreendê-lo

O júri do World Press Photo queria dar o prémio maior da edição deste ano (e talvez das edição todas) a uma fotografia com "potencial para se tornar icónica". A primeira imagem desta fotogaleria, por ser "esteticamente poderosa" e "revelar humanidade", é o que o júri procurava. A fotografia de um casal homossexual russo, a grande vencedora, é a primeira de 16 imagens de uma seleção onde há Messi desolado, migrantes em condições indignas no Mediterrâneo, a aflição do ébola, mistérios afins e etc - são os contrastes do mundo.

Vamos falar de sexo. Seis portugueses revelam tudo o que lhes dá prazer na cama

Neste primeiro episódio de uma série que vai durar sete semanas, seis entrevistados falam abertamente sobre aquilo que lhes dá mais satisfação na intimidade. Sexo em grupo, sexo na gravidez, prazer sem orgasmo e melhor sexo após a menopausa são alguns dos temas referidos nos testemunhos desta semana. O psiquiatra Francisco Allen Gomes explica ainda a razão de muitas mulheres fingirem o orgasmo. O Expresso e a SIC falaram com 33 portugueses que deram a cara e o testemunho de como são na cama. Ao longo das próximas sete semanas, contamos-lhe tudo.

Elvis. Gostamos ou não gostamos?

Ele não é consensual, mas é incontornável. Dispunha de penteado majestoso e patilha marota, aparentava olhar matador e pose atrevida. E deixou canções: umas fáceis e outras nem tanto, por vezes previsíveis e às vezes inesperadas, ora gentis ora aceleradas. E ele, Elvis, nasceu em janeiro de 1934 - há precisamente 40 anos, ao oitavo dia. Temos quatro textos sobre o artista: Nicolau Santos, Rui Gustavo, Nicolau Pais e João Cândido da Silva explicam o que apreciam, o que toleram e o que não suportam.

A última viagem do navio indesejado

Construído nos Estaleiros de Viana e pensado para fazer a ligação entre ilhas nos Açores, o Atlântida foi recusado pelo Governo Regional por alegadamente não atingir a velocidade pretendida. Contando com os custos associados à dissolução do contrato, o prejuízo ascendeu a 70 milhões de euros. Foi agora comprado a "preço de saldo", para mudar de nome e ser reconvertido num cruzeiro na Amazónia. Fizemos a última viagem do Atlântida e vamos mostrar-lhe os segredos do navio.

Desfile de vedetas

Saiba tudo sobre os modelos concorrentes ao Carro do Ano 2015/Troféu Essilor Volante de Cristal. Conheça o essencial sobre os 20 automóveis participantes nesta iniciativa, da estética, às características técnicas, do preço ao consumo. A apresentação ficará completa no dia 3 de janeiro.

Tudo o que precisa de saber sobre o ébola. Em dois minutos

Porque é que este está a ser o pior surto da história? Como é que os primeiros sintomas se confundem com os de outras doenças? É possível viajar depois de ter contraído o vírus, sem transmitir a doença? E estamos ou não perto de ter uma vacina? O Expresso procurou as respostas a estas e outras dúvidas sobre o ébola.

Desacelerámos a realidade para observar a euforia da liberdade

Ela, Jacarandá, é algarvia. Ele, Katmandu, é espanhol. São linces e agora experimentam a responsabilidade da liberdade: foram soltos esta terça-feira numa herdade alentejana, próxima de Mértola, eles que saíram de centros de reprodução em cativeiro. Foi inédito: nunca tinha acontecido algo assim em Portugal. Estivemos lá e ensaiámos o slow motion.


Comentários 33 Comentar
ordenar por:
mais votados
Não havia necessidade....
..... de, logo à partida, condenar a candidatura de Manuel Alegre ao insucesso.

Com esta postura pouco inteligente do BE, efectivamente, Cavaco mesmo com todas as "argoladas" que cometeu, mesmo com o País a votar "tradicionalmente" à esquerda, vai acabar por ser reeleito.

O BE, se fosse inteligente ou, melhor dizendo, se desejasse a eleição de Alegre, aguardaria pela posição do PS e, como inevitavelmente aconteceria, sendo o PS o primeiro partido a apoiar Alegre, toda a esquerda "compreenderia" que o caminho era esse.

Reparem na postura inteligente do lider do PCP que, questionado, atirou "para a frente", dizendo qpenas que ainda era cedo para falar do assunto.

Em meu entender o BE apenas pretende causar dificuldades ao PS, tudo servindo para esse fim, estando-se "borrifando" para quem vai ser o próximo PR.

A lógica do BE é o "quanto pior melhor" e o ambiente que proporcione condições para o protesto, contra tudo e contra todos.

Só não entendo como 10% dos eleitores Portugueses ainda não perceberam isto....
Re: Não havia necessidade....
Re: Não havia necessidade....
Re: Não havia necessidade....
Re: Não havia necessidade....
Manuel Alegre
A confirmação deste apoio a Manuel Alegre, por parte do BE, nada mais é que um presente envenenado.
O mesmo vai sentir na pele, quanto esse apoio o vai prejudicar.
É uma cartada que o BE está a jogar a seu favor e Manuel Alegre caíu na armadilha que lhe foi montada, pelo que muito difícil terá hipóteses de triunfar.
Esta confirmação virá, com toda a certeza, a dividir mais o PS.
Alguém acredita que os socialistas moderados e os soaristas ( São a maioria) farão campanha de braço dado com Luís Fazenda e Francisco Louça?
Louçã e José Sócrates, lado a lado seria de morrer a rir, tal é a relação entre eles !
Mais, José Sócrates perderia muitos pontos junto de algum eleitorado .
Seria o seu descrédito.
Re: Manuel Alegre
Re: Manuel Alegre
Este homem mete nojo
E assim se estraga a festa...
Falar da unidade das esquerdas é fácil. O mais difícil é ser-se coerente com essa manifestação de vontade. Não dá para acreditar que o BE, calculista e estratégico como é, não tenha percebido que os sinais que tem emitido para a opinião pública nos últimos tempos iam no sentido de uma "colagem" à (hipotética, ou provável...) candidatura de Manuel Alegre; e que tal colagem servia sobretudo para impelir o Bloco a tomar a dianteira ao PS, ou seja, tirar dividendos das previsíveis hesitações e clivagens no seio do PS...; e assim fica provado uma vez mais o que é que o Bloco quer: destruir ou esfrangalhar o PS para proveito próprio. Para eles, melhor seria que o PS apresentasse agora outro candidato e ficasse irremediavelmente partido em dois. Assim, até poderia acontecer que os alegristas-PSs, furiosos com o seu partido, batessem com a porta e corressem de braços abertos em busca do conforto da "verdadeira esquerda" nos braços do Bloco... Não haverá outra forma de fazer política de esquerda?!
Estes tipos do BE
Eu "adoro" a coerência do BE. Por um lado clamam que o seu progama defende os animais e que apresentam propostas nesse sentido e depois apoiam um indivíduo que é um confesso aficionado de touradas e caçador. Que grande coerência não é verdade Louçã?
É por estas e por outras que em eleições sejam elas quais forem jamais terão o meu voto.
Manuel Alegre
Presidenciais:
Manuel Alegre, de Poeta, vai virar em "DERROTADO" !
Uma pergunta, se é que pode responder à mesma:
Uma vez que a última mandatária, abandonou o seu movimento, será FRANCISCO LOUÇÂ a desempenhar tais funções ?
Olhe que ele bem merece o lugar,tal o empenho com que tem defendido a sua candidatura !
Se o não fizer, comete um tremendo acto de ingratidão !
Pense nisso, por exemplo, quando estiver na Foz do Arelho a pescar à linha !
O Bloco não tem lepra, mas...
Perante o manifesto incómodo que causou no eleitorado moderado o apoio do Bloco a Manuel Alegre, Louçã e os seus fiéis, virão em breve choramingar-se, dizendo que o Bloco não tem lepra e pode muito bem apoiar um candidato sem lhe pegar a peçonha.
É evidente que o BE não tem lepra, mas tem uma pratica e uma imagem política muito marcada, nomeadamente sobre o seu entendimento do papel do PR.
As anteriores candidaturas do BE foram as de Louçã, de Fernando Rosas, de Alberto Matos (UDP) e Carlos Marques (UDP). Todas estas candidaturas foram de combate contra o papel arbitral do PR e de exigência de um PR interventivo, quase executivo, chefe de oposiçao ao governo, com um programa de acção político autónomo do governo. Para o BE o PR é um provedor dos explorados em oposição ao governo que, por definição do BE, é sempre de direita e defende os poderosos.
É este presidente que o BE quer que Alegre seja? Muitos temem que sim.
Há ainda questões de regime: O BE é contra a concertação social por entender que o governo é do patronato.
O BE é antieuropeísta, contra TODOS os tratads europeus que configuram a UE. No Parlamento Europeu pertence ao mesmo grupo do PC. Como é que Alegre vai conviver com estes singulares apoiantes?
O Bloco é contra a NATO. E Alegre? Vai passara ser anti-atlantista?
O BE tem o direito de apoiar qem quiser, mas ou o BE ou Alegre têm de convencer os eleitores de que mudaram muito. E vai ser dificil a maioria dos portugueses acreditar nos dois.
 
Privatizações
Luís Fazenda, no fim de uma reunião com o PS, àcerca do orçamento, disse que o governo iria continuar com as privatizações.
Onde está o mal ?
Será preferível manter nas mãos do Estado muitas das empresas, onde penetra a corrupção e o suborno, como no caso da "Face Oculta" e que são mal geridas e depois quem paga a factura são os contribuintes ou vendê-las a privados, que as giram bem ?
O Estado não ganhará com isso ?
Pelo menos, receberá mais de IRC ?
Mas, infelizmente, continua a haver quem queira tudo nas mãos do Estado !
Coisas do camamdro ou talvez não
No mesmo instante em que M. Alegre anunciava a sua disponibilidade, estava o Louçã na SIC noticias com Mário Crespo (coincidência?) e nesse mesmo momento disse logo que o BE o apoiava. Não foi preciso reunir órgãos, ouvir opiniões dos seus dirigentes, nada! Portanto, das duas uma: Ou tudo já estava combinado ou no democrático BE o Louçã decide e pronto!
Re: Coisas do camamdro ou talvez não
Re: Coisas do camamdro ou talvez não
Francisço Louça e BE à boleia de Manuel Alegre.
É evidente que Francisco Louça e concomitantemente o BE desde sempre, se colocaram na melhor posição de tentar por todos os meios dividir o Partido Socialista.
Nenhum partido com acento na AR escolheu o seu inimigo principal com tanta força, como Francisco Louça o tem feito em todas as suas intervenções políticas.
Como é evidente o BE (com a sua amalgama partidária escondida no seu símbolo) conseguiu assim alcançar o seu desiderato, atraindo para si, classes sociais e profissionais que viram os seus privilégios postos em causa pelo Governo e em determinada fase acantonaram-se num partido que pensavam contribuir para a solução dos seus problemas, mas cada vez mais sentem-se frustrados com quem, só faz parte dos problemas existentes e em nada contribui para a sua solução.
Manuel Alegre entretanto foi o trunfo maior que Francisco Louça encontrou desde que o BE existe e que agora lhe vai servir de bandeira para minar por dentro o PS, com o único objectivo partir a espinha do partido e nunca com a ideia de ganhar a PR.
Claro que em tudo isto Manuel Alegre tem dado passos de aproximação ao BE à revelia do partido onde milita desde sempre, também sem estar interessado em saber se essa é a vontade do PS que o represente, como candidato à Presidência da República.
Desta medição de forças quem ganha de certeza é o BE, que se cola como uma lapa a um militante do PS que está ansioso de protagonismo e vê nesta acção prévia, o seu ansiado êxito.
Vamos esperar para ver quem ganha !
A vaidade do poeta
A estupidez congénita da esquerda e a vaidade patética do poeta vão dar de mão beijada a presidência da República a quem evidenciou não ter perfil,capacidade e isenção política para a continuação no cargo.
Apoio envenenado!
Brrrr !....
apoio dos sem garvata
pois bem com este BE no governo,só ficavam no desemprego os fabricantes de garvata.
tirava o dinheiro ao amorim e distribuia pelos desempregados todos com altos subsidios.
o alegre grande democrata salvo erro assaltou o banco na figueira da foz (na altura achei bem) e fugiram lutar pela liberdade para a argélia ah grandes democratas,com ele como presidente e o BE a governar acabava a crise em portugal e no mundo.
Coitados
Estes bloquistas já chegaram á conclusão que não vale a pena apresentar o seu habitual candidato, como tal vão apoiar Manuel Alegre. Estes pseudo intelectuais de esquerda, nunca irão ter qualquer força.
Re: Coitados
BE
Apoiar MA pois se não fosse este quem é que teriam? que credibilidade tem MA para Presidente da República?
Partido e candidato enganador condenado desde já ao fracasso.
Comentários 33 Comentar

Últimas

Ver mais
Receba a nova Newsletter
Ver Exemplo

Pub