6
Anterior
Cherne dos Açores e Vitela Barrosã para o almoço do Papa
Seguinte
Vídeo: Pescadores viram o Papa do Douro
Página Inicial   >  Dossiês  >  Dossies Atualidade  >  Bento XVI em Portugal  >   Bento XVI leva Portugal no coração

Bento XVI leva Portugal no coração

"Continue esta gloriosa Nação a manifestar a grandeza de alma, profundo sentido de Deus, abertura solidária, pautada por princípios e valores bebidos no humanismo cristão", disse o Papa no discurso de despedida. Clique para aceder ao índice do dossiê Bento XVI em Portugal
Lusa |
O Porto brindou o Papa com um banho de multidão
O Porto brindou o Papa com um banho de multidão / Hugo Delgado/EPA

O Papa disse levar "guardada na alma a cordialidade" do acolhimento "afetuoso" que recebeu em Portugal e manifestou o desejo de que a visita que hoje termina se torne num "incentivo para um renovado impulso espiritual e apostólico" dos católicos.

Clique para aceder ao índice do dossiê Bento XVI em Portugal

Ao falar no aeroporto Francisco Sá Carneiro, no Porto, antes da partida para Roma, Bento XVI agradeceu ao Presidente da República (ver caixa no final do texto) o acompanhamento que fez à visita do Papa, ao Governo, aos bispos e às autoridades civis e militares "que se desdobraram em visível dedicação ao longo de toda a viagem" e deixou um apelo à população residente em Portugal.

"Não cesse entre vós de crescer a concórdia, essencial para uma sólida coesão, caminho necessário para enfrentar com responsabilidade comum os desafios com que vos debateis", exortou o pontífice.

"Continue esta gloriosa Nação a manifestar a grandeza de alma, profundo sentido de Deus, abertura solidária, pautada por princípios e valores bebidos no humanismo cristão", deixou expresso o Papa, que adiantou ter rezado em Fátima "pelo mundo inteiro, pedindo que o futuro traga maior fraternidade e solidariedade, um maior respeito recíproco e uma renovada confiança e confidência em Deus".

Bênção apostólica


Nesta cerimónia de despedida no aeroporto do Porto, Bento XVI sublinhou ainda a "energia entusiasta das crianças e dos jovens, a adesão fiel dos presbíteros, diáconos e religiosos, a dedicação dos bispos, a procura livre da verdade e da beleza patente no mundo da cultura, a criatividade dos agentes de pastoral social, a vibração da fé dos fiéis nas dioceses" visitadas.

No final, o Papa deixou ainda a sua bênção apostólica, "portadora de esperança, de paz e de coragem", que disse implorar "pela intercessão de Nossa Senhora de Fátima".

O Papa Bento XVI termina hoje uma viagem de quatro dias a Portugal, com passagens por Lisboa, Fátima e Porto.

"Pecado da Igreja"


Nos diversos momentos de intervenção, o Papa deixou algumas mensagens, tendo o primeiro dia ficado marcado pelas declarações que fez ainda no avião Papal que o levou de Roma a Lisboa a propósito dos escândalos de pedofilia que têm afetado a Igreja Católica.

Segundo o Papa, a "maior perseguição à Igreja" não vem de "inimigos de fora, mas nasce do pecado da Igreja".

Ainda nesse dia, referiu-se ao centenário da República Portuguesa, afirmando que a viragem republicana, operada há cem anos, abriu na distinção entre a Igreja e o Estado, um espaço novo de liberdade para a Igreja".

O encontro com o "mundo da cultura", em Lisboa, a condenação do aborto e a defesa do casamento heterossexual, em Fátima, e a mobilização de fiéis que conseguiu no Porto foram outros momentos que marcaram a visita de Bento XVI a Portugal.

Cavaco fala em país revigorado

O Presidente da República despediu-se hoje do Papa no Porto sublinhando que o país o vê partir "revigorado pela mensagem de esperança e confiança" que deixou nesta visita de quatro dias a Portugal.

"Portugal despede-se de vós revigorado pela mensagem de esperança e confiança que nos deixais. Vemos partir o Santo Padre com um sentimento que nenhuma outra língua ainda soube traduzir em toda a sua profundidade e que reservamos aos que nos são mais queridos, a saudade", afirmou o Chefe de Estado, Aníbal Cavaco Silva, no aeroporto Sá Carneiro.

Num breve discurso, onde não fez qualquer alusão às intervenções de Bento XVI em Portugal, nomeadamente ao apoio que manifestou quinta feira a medidas contra a prática do aborto e à defesa do casamento heterossexual, Cavaco Silva lembrou as "impressionantes molduras humanas" que o acolheram em Lisboa, Fátima e no Porto e "as manifestações de profunda devoção e júbilo" que marcaram esses momentos.

 Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Saiba todos os passos e horários do programa oficial da visita do Papa Bento XVI a Portugal, entre 11 e 14 de Maio clicando em Programa da visita de Bento XVI a Portugal

Opinião


Multimédia

Dez verdades assustadoras sobre filmes de terror

Este vídeo é como o monstro de "Frankenstein": ganhou vida graças à colagem de partes de alguns dos filmes mais aterrorizantes de sempre. Com uma ratazana mutante e os organizadores do festival de cinema de terror MotelX pelo meio. O Expresso foi à procura das razões que explicam o fascínio pelo terror, com muito sangue (feito de corante alimentar) à mistura. 

A paixão do vinil

Se para muitos o vinil é apenas uma moda que faz parte da cultura do revivalismo vintage, para outros ver o disco girar nunca deixou de ser algo habitual.

Portugal foi herdado, comprado ou conquistado?

Era agosto em Lisboa e, às portas de Alcântara, milhares de homens lutavam por dois reis, participando numa batalha decisiva para os espanhóis e ainda hoje maldita. Aconteceu em agosto de 1580. Mais de 400 anos depois, o Expresso deu-lhe vida, fazendo uma reconstituição do confronto através do recorte e animação digital de uma gravura anónima da época.

O Maradona dos bancos centrais

Dizer que Mario Draghi está a ser uma espécie de Maradona dos bancos centrais pode parecer estranho. Mas não é exagerado. Os jornalistas João Silvestre e Jorge Nascimento Rodrigues explicaram porquê num conjunto de artigos publicado no Expresso em Novembro de 2013 e que venceu em junho deste ano o prémio de jornalismo económico do Santander e da Universidade Nova. O trabalho observa ainda o desempenho de Ben Bernanke no combate à crise, revisita a situação em Portugal e arrisca um ranking dos 25 principais governadores de bancos centrais. Republicamos os artigos num formato especial desenvolvido para a web.

Com Deus na alma e o diabo no corpo

Quem os vê de fora pode pensar que estão possuídos. Eles preferem sublinhar o lado espiritual e terapêutico desta dança - chamam-lhe "krump" e nasceu nos bairros pobres dos Estados Unidos. De Los Angeles para Chelas, em Lisboa, já ajudou a tirar jovens do crime. Ligue o som bem alto e entre com o Expresso no bairro. E faça o teste: veja se consegue ficar quieto.

O Cabo da Roca depois da tragédia que matou casal polaco

Os turistas portugueses e estrangeiros que visitam o Cabo da Roca, em Sintra, continuam a desafiar a vida nas falésias, mesmo depois da tragédia que resultou na morte de um casal polaco, cujos filhos menores estavam também no local. Durante a visita do Expresso, um segurança tentou alertar os turistas para o perigo e refere a morte do casal polaco. O apelo não teve grande efeito. Veja as imagens.

Ó Capitão! meu Capitão! ergue-te e ouve os sinos

Ele foi a nossa ama... desajeitada. Ele foi o professor que nos inspirou no liceu. Ele trouxe alegria, mesmo nas alturas mais difíceis. Ele indicou-nos o caminho na faculdade. Ele ensinou-nos a manter a postura, mas também a quebrar preconceitos. Ele ensinou-nos que a vida é para ser aproveitada a cada instante. Ó capitão, meu capitão, crescemos contigo e vamos ter de envelhecer sem ti. 

Crumble. A sobremesa mais fácil do mundo

Tiger escolheu a gastronomia como forma de estar na vida, especialista em pratos de confeção acessível, com ingredientes ao alcance de qualquer pessoa. Veja, confecione, desfrute e impressione.

Voámos num F-16

Um piloto da Força Aérea voou com uma câmara GoPro do Expresso e temos imagens inéditas e exclusivas para lhe mostrar num trabalho multimédia.

Salada de salmão com sorvete de manga

Especialista em pratos de confeção acessível, com ingredientes ao alcance de qualquer pessoa, Tiger escolheu a gastronomia como forma de estar na vida. Veja, confecione, desfrute e impressione.

Por faróis nunca dantes navegados

São a salvaguarda dos navegantes, a luz que tranquiliza o mar. Há 48 faróis em Portugal continental e nas ilhas. Este é um acontecimento único: todos os faróis e 1830 km de costa disponíveis num mesmo trabalho. Para entendê-los e vê-los, basta navegar neste artigo.

Parecem casulos onde gente hiberna à espera de ver terra

No Porto de Manaus não há barcos, mas autocarros bíblicos que caminham sobre água. Têm vários andares e estão cheios de camas de rede que parecem casulos onde homens, mulheres e crianças aguardam o destino. E há gente a vender o que houver e tiver de ser junto ao Porto. "Como há Copa, tem por aí muito gringo que vem ter com 'nóis'. E então fica mais fácil vender"

O adeus de Lobo Antunes às aulas de medicina

O neurocirurgião deu terça-feira a sua "Última Lição" no auditório do Instituto de Medicina Molecular da Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa, na véspera de deixar o seu trabalho no serviço nacional de saúde.

Jaguar volta a fabricar desportivo dos anos 60

Até ao verão será fabricado um número limitado de desportivos Jaguar E-Type Lightweight, seguindo todas as especificações originais, incluindo a continuação do número de série das unidades produzidas em 1963.

"Naquela altura estavam continuamente a acontecer primeiras coisas"

Mais do que uma manifestação, o 'primeiro' 1º de Maio é recordado como a grande festa da Revolução dos Cravos, quando o povo saiu às ruas em massa e a união das esquerdas era um sonho possível. "O 1º de Maio seria mais uma primeira coisa, porque naquela altura estavam continuamente a acontecer primeiras coisas." Foi há 40 anos.


Comentários 6 Comentar
ordenar por:
mais votados
Bento XVI leva Portugal no coração
O Papa leva Portugal no coração e na bagagem além de outras recordações um garrafa de Porto, que segundo dizem um grande apreciador desse saboroso néctar. Será o próximo reforço secreto do Benfica, mas também da Selecção. Se não jogar poderá sempre rezar, porque se não fizer bem, mal não faz de certeza.
Boa viagem Bispo de Roma
Correu tudo bem, Portugal não ficou mal na foto e quando quiser voltar a porta está sempre aberta.
Uma Diplomacia Necessária...

Apenas passei por aqui para agradecer a benevolência do Pontífice para com todos que, mesmo diante da miséria social, se alimentam na Fé Espiritual e vivem na Esperança de um Futuro digno... Agradeço-Lhe também por não ter excomungado o revoltado comentador Paulo Pedroso!...

Que a Paz Permaneça sobre todos nós e a Luz do Santíssimo nos Ilumine para Sempre, Amém!...

Boa Viagem e Volte Sempre!...
Re: Uma Diplomacia Necessária...
Re: Uma Diplomacia Necessária...
"NA" (e não "DA")
Pecado NA Igreja (e não da Igreja)
a tradução está mal feita
Comentários 6 Comentar

Últimas


Edição Diária 17.Abr.2014

Leia no seu telemóvel, tablet e computador
PUBLICIDADE

Pub