18 de abril de 2014 às 13:33
Página Inicial  ⁄  Economia  ⁄  Banco UBS anuncia 3500 despedimentos

Banco UBS anuncia 3500 despedimentos

O banco suíço vai eliminar 3500 postos de trabalho, no âmbito do programa de corte de custos.

O banco UBS vai despedir 3.500 trabalhadores no âmbito do programa de redução de custos de dois mil milhões de francos suíços (1,76 mil milhões de euros), anunciado no fim de julho, segundo um comunicado hoje publicado.

Estas supressões de empregos vão fazer-se sob a forma de despedimentos e de saídas negociadas, acrescentou o principal banco suíço.

No fim de julho, o Credit Suisse, segundo banco suíço, anunciou o despedimento de 2.000 pessoas em todo o Mundo.

Lucros caíram 49%


O princípio de uma redução de efetivos foi anunciado em julho, data em que o banco UBS publicou os seus resultados trimestrais.

No entanto, a amplitude dos despedimentos ainda não era conhecida.
No segundo trimestre, a UBS registou uma queda nos lucros e reviu em baixa os seus objetivos de crescimento, prevendo despedimentos para enfrentar as condições difíceis que se vivem no sector financeiro.

Os lucros do número três mundial da gestão de fortunas caíram 49% para mil milhões de francos suíços (861,9 milhões de euros).

 

Comentários 0 Comentar
PUBLICIDADE
Expresso nas Redes
Pub