Siga-nos

Perfil

Autárquicas 2017

Autárquicas 2017

Ferreira Leite: "Passos Coelho já não tem condições"

"Atónita e chocada", ex-líder do PSD diz que o desastre em Lisboa é responsabilidade de Pedro Passos Coelho: "Muita gente não queria votar nele e não votou no PSD".

"Não, não tem", respondeu Manuela Ferreira Leite na TVI, quando o jornalista lhe perguntou se Pedro Passos Coelho ainda tinha "condições" para melhorar o PSD. A ex-líder do partido mostrou-se "atónita e chocada com os resultados demasiadamente maus" em Lisboa e culpou Passos pelo desastre.

"Paulo Portas inteligentemente saíu de cena", afirmou Ferreira Leite, responsabilizando Passos por, não se tendo retirado depois do trabalho "difícil" que teve que fazer no Governo, ter contribuido para que "o núcleo duro do PSD desaparecesse" na capital.

"Muitos não queriam votar nele e não votaram PSD", afirmou a ex-líder. Na sua opinião, é "injusto" culpar os candidatos, porque "houve um conjunto de situações que levaram ao desastre". Por um lado, o excessivo protagonismo de Passos, que "escolheu o candidato e demasiado tarde"; por outro, "as lutas internas em que o partido se envolveu em Lisboa".

Mauro Xavier responsabiliza Passos

O antigo presidente da concelhia do PSD/Lisboa Mauro Xavier, que se demitiu por discordar da estratégia do partido com a escolha de Teresa Leal Coelho como candidata, também já veio pedir que Pedro Passos Coelho assuma a "responsabilidade política" pelos resultados.

“A opção de Pedro Passos Coelho na escolha do candidato do PSD a Lisboa teve uma resposta clara do eleitorado. Demiti-me por não concordar com esta opção. Cabe-me pedir agora responsabilidades ao presidente do partido. Espero que o PSD não faça o mesmo que o Governo fez com o caso de Tancos e alguém assuma a responsabilidade política”, escreveu Mauro Xavier na sua página de Facebook.