23 de abril de 2014 às 15:22
Página Inicial  ⁄  Atualidade / Arquivo
Pág. 1 de 18043 
Ver 10, 20, 50 resultados por pág.

2 gémeas bebés. A mãe ficou com uma, entregou a outra para ser adoptada. Reencontram-se agora, aos 77 anos

Luis M. Faria
Em 1936, uma mãe solteira deu à luz duas gémeas, Elizabeth e Ann. Além do estigma na altura associado a esse tipo de situação, havia dificuldades práticas. A mãe não tinha meios para criar duas filhas. Ao fim de cinco meses, resolveu dar uma para adopção. Como Elizabeth tinha um pequeno problema nas costas, achou melhor guardá-la consigo. ...

Gulbenkian: um "shot" de liberdade, hoje...

Fátima Pinheiro| 8
Eduardo Lourenço encerra hoje com chave de ouro a Conferência "A Ditadura Portuguesa: porque durou, porque acabou", que a Gulbenkian acolhe desde ontem. Às 17h30 dará a Voz aos Ex-Presidentes da República: António Ramalho Eanes, Mário Soares e Jorge Sampaio. José Pedro Castanheira, da comissão organizadora, conclui os trabalhos. É obra juntar ...

25 de abril (2): "D" de descolonização

Daniel Oliveira| 71
A descolonização deve ser o tema que mais paixões acende em Portugal. E é natural que assim seja. O fim definitivo e tardio do império português implicou uma mudança radical na vida de mais de um milhão de portugueses. Mudar radicalmente de vida de um dia para o outro não é coisa pequena. Deixa traumas profundos. Junte-se a isto uma guerra ...

A democracia atrapalha o FMI

Henrique Monteiro| 80
Não faz o meu género ser indignado. Mas há coisas que responsáveis do FMI afirmam que mais parecem ser ditas para ajudar a extrema-esquerda ou a extrema-direita, do que para resolver os problemas do país. Na segunda-feira passada, no relatório sobre a 11ª avaliação do plano de resgate, o Fundo fez alguns alertas. Até aqui tudo bem. Trata-se ...

O galeão português é o outro lado do avião desaparecido

Henrique Raposo | 20
O avião malaio continua desaparecido, alimentando horas de jornalismo e de teorias da conspiração. Não surpreende. É um drama misterioso que preenche um mundo, o nosso, que perdeu qualquer noção de mistério ou encantamento. Através de satélites, telefones-satélites, canais de notícias 24 sobre 24, internet, redes sociais, através desta ...

Óperas há muitas?

Fátima Pinheiro| 36
Haver há. Ontem fui a uma intitulada "Poliuto", no Teatro Nacional S. Carlos. Não fazia ideia que existia. Não é de estranhar, não percebo muito do assunto. Nem me importa que assim seja. Sou uma espécie de apanha bolas. E aceito os desafios que me aparecem. Gosto tanto de uma ópera como de um pássaro a "desafinar" no ramo da árvore mesmo ...

As pensões e a incompetência estratégica

Pedro Almeida Cabral| 12
Tempos houve em que era suposto os governos decidirem de forma transparente para que ninguém tivesse dúvidas em relação àquilo com que podia contar na sua vida. Tempos há em que, aparentemente, são tomadas decisões que, na verdade, são apenas comunicações truncadas para que ninguém saiba com o que pode contar na sua vida. É a estratégia da ...

A crise também arruinou o crime. Chefe da Máfia diz aos colegas jovens: arranjem mas é um emprego honesto

Luis M. Faria
Até a Máfia sofre com a crise económica. O chefe de um clan siciliano foi agora gravado numa escuta a queixar-se do efeito que os cortes orçamentais do governo estão a ter sobre a sua família. Cada vez é mais difícil extorquir dinheiro suficiente, queixa-se o homem no vídeo de onde se extraiu esta foto. Pelo caminho que as coisas levam, ...

25 de abril (1): "D" de democracia

Daniel Oliveira| 63
Nos próximos três dias dedicarei os meus textos aos três "D" que nos foram prometidos pelo Movimento das Forças Armadas: democratizar, descolonizar e desenvolver. Neles pretendo, de forma sintética, fazer o balanço desta ambiciosa vontade de mudar um país. Aquilo que fez do 25 de abril uma revolução e não, como alguns desejariam, apenas um ...

A minha resposta: salários de professores e políticos - que cortes?

Henrique Monteiro| 191
"Torturem os números que eles confessam - Sobre o mau uso e abuso das estatísticas em Portugal e não só". Este é o um livro de Pedro Nogueira Ramos cujo título diz tudo. Não sou um adepto incondicional de estatísticas, mas não podendo trabalhar sobre cada caso concreto, elas dão-nos uma ideia, ainda que deformada, do sentido geral. ...
Pág. 1 de 18043 
Ver 10, 20, 50 resultados por pág.
PUBLICIDADE
Pub

Capas/Primeiras Páginas