Anterior
CP convoca sindicato dos maquinistas para reunião
Seguinte
Reunião entre CP e sindicato interrompida
Página Inicial   >  Economia  >   António Mexia: Governo deu "prova de ausência de preconceitos" (vídeo)

António Mexia: Governo deu "prova de ausência de preconceitos" (vídeo)

O presidente da elétrica garantiu que "não tinha nenhuma preferência". Para António Mexia, o Governo deu "uma prova de ausência de preconceitos" ao escolher a chinesa Three Gorges.
Lusa |

O presidente da EDP, António Mexia, afirmou hoje que o Governo deu "uma prova de ausência de preconceitos" ao escolher a chinesa Three Gorges Corporation para acionista da elétrica que lidera, considerando-a "uma decisão corajosa".

Em entrevista ao Jornal das 8, da TVI, António Mexia considerou que "seria muito mau olhar para isto [o processo de privatização] com preconceitos", elogiando "a capacidade de execução invulgar" que o Executivo PSD/CDS-PP deu provas durante o processo de alienação da participação pública de 21,35% na elétrica.

O presidente da elétrica garantiu que "não tinha nenhuma preferência", considerando que o essencial era que "fosse o melhor projeto para maximizar o resultado para o Estado e para a companhia e esta oferta tinha indiscutivelmente o melhor preço e uma proposta industrial fundamental, importantíssima para os acionistas".



Opinião


Multimédia

A paixão do vinil

Se para muitos o vinil é apenas uma moda que faz parte da cultura do revivalismo vintage, para outros ver o disco girar nunca deixou de ser algo habitual.

Com Deus na alma e o diabo no corpo

Quem os vê de fora pode pensar que estão possuídos. Eles preferem sublinhar o lado espiritual e terapêutico desta dança - chamam-lhe "krump" e nasceu nos bairros pobres dos Estados Unidos. De Los Angeles para Chelas, em Lisboa, já ajudou a tirar jovens do crime. Ligue o som bem alto e entre com o Expresso no bairro. E faça o teste: veja se consegue ficar quieto.

O Cabo da Roca depois da tragédia que matou casal polaco

Os turistas portugueses e estrangeiros que visitam o Cabo da Roca, em Sintra, continuam a desafiar a vida nas falésias, mesmo depois da tragédia que resultou na morte de um casal polaco, cujos filhos menores estavam também no local. Durante a visita do Expresso, um segurança tentou alertar os turistas para o perigo e refere a morte do casal polaco. O apelo não teve grande efeito. Veja as imagens.

Ó Capitão! meu Capitão! ergue-te e ouve os sinos

Ele foi a nossa ama... desajeitada. Ele foi o professor que nos inspirou no liceu. Ele trouxe alegria, mesmo nas alturas mais difíceis. Ele indicou-nos o caminho na faculdade. Ele ensinou-nos a manter a postura, mas também a quebrar preconceitos. Ele ensinou-nos que a vida é para ser aproveitada a cada instante. Ó capitão, meu capitão, crescemos contigo e vamos ter de envelhecer sem ti. 

Crumble. A sobremesa mais fácil do mundo

Tiger escolheu a gastronomia como forma de estar na vida, especialista em pratos de confeção acessível, com ingredientes ao alcance de qualquer pessoa. Veja, confecione, desfrute e impressione.

Voámos num F-16

Um piloto da Força Aérea voou com uma câmara GoPro do Expresso e temos imagens inéditas e exclusivas para lhe mostrar num trabalho multimédia.

Salada de salmão com sorvete de manga

Especialista em pratos de confeção acessível, com ingredientes ao alcance de qualquer pessoa, Tiger escolheu a gastronomia como forma de estar na vida. Veja, confecione, desfrute e impressione.

Por faróis nunca dantes navegados

São a salvaguarda dos navegantes, a luz que tranquiliza o mar. Há 48 faróis em Portugal continental e nas ilhas. Este é um acontecimento único: todos os faróis e 1830 km de costa disponíveis num mesmo trabalho. Para entendê-los e vê-los, basta navegar neste artigo.

Parecem casulos onde gente hiberna à espera de ver terra

No Porto de Manaus não há barcos, mas autocarros bíblicos que caminham sobre água. Têm vários andares e estão cheios de camas de rede que parecem casulos onde homens, mulheres e crianças aguardam o destino. E há gente a vender o que houver e tiver de ser junto ao Porto. "Como há Copa, tem por aí muito gringo que vem ter com 'nóis'. E então fica mais fácil vender"

O adeus de Lobo Antunes às aulas de medicina

O neurocirurgião deu terça-feira a sua "Última Lição" no auditório do Instituto de Medicina Molecular da Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa, na véspera de deixar o seu trabalho no serviço nacional de saúde.

Jaguar volta a fabricar desportivo dos anos 60

Até ao verão será fabricado um número limitado de desportivos Jaguar E-Type Lightweight, seguindo todas as especificações originais, incluindo a continuação do número de série das unidades produzidas em 1963.

"Naquela altura estavam continuamente a acontecer primeiras coisas"

Mais do que uma manifestação, o 'primeiro' 1º de Maio é recordado como a grande festa da Revolução dos Cravos, quando o povo saiu às ruas em massa e a união das esquerdas era um sonho possível. "O 1º de Maio seria mais uma primeira coisa, porque naquela altura estavam continuamente a acontecer primeiras coisas." Foi há 40 anos.

Este trabalho não foi visado por qualquer comissão de censura

Aquilo que hoje é uma expressão anacrónica estava em relevo na primeira página do "República", a 25 de Abril de 1974: "Este jornal não foi visado por qualquer comissão de censura". Quarenta anos depois da Revolução, veja os jornais, ouça os sons e compreenda como decorreu o "dia inicial inteiro e limpo", como lhe chamou Sophia. O Expresso falou ainda com cinco gerações de 40 anos e percorreu a "geografia" das Ruas 25 de Abril de todo o país, falando com quem lá mora. Veja a reportagem multimédia.


Comentários 40 Comentar
ordenar por:
mais votados
PORTUGAL A "CHINA" DA EUROPA!!!
ESTE NÃO É O CAMINHO!!!

CONTINUEM QUE QUEM PODE VAI SAIR DE PORTUGAL E NÃO FICARÁ NINGUÉM PARA PAGAR IMPOSTOS ALÉM DO POVO QUE GANHA O MISERÁVEL SALÁRIO MÍNIMO.

CONTINUEM COM ESSA POLITICA CHINESA PARA ATRAIR AS FÁBRICAS ALEMÃS E FRANCESAS.

NO FIM SÓ VAI RESTAR MÃO-DE-OBRA BARATA E POLÍTICOS CORRUPTOS QUE COMPRARAM OS CURSOS OU NUNCA TRABALHARAM.

CONTINUEM E VENDAM TUDO AOS CHINESES!!!
Re: PORTUGAL A
O Zé que pague
Tal qual o governo e o regulador. O Zé paga de IVA 23% + 4% de aumento. Vigaristas.
O Bluff vindo do CEO!
Este António Mexia é um Bluff!
Se Eu fosse o Mexia, dizia apenas isto, para ser sincero comigo próprio:
"O Governo deu "prova de ausência de preconceitos", porque a única exigência que fez para além do preço, foi que Eu lá continuasse como "Chairman"!
Sim, que isto de ter grandes lucros numa empresa monopolista, semi estatal, tipo ninho de boyada, é só para alguns!
E este já provou que dá para os dois lados!
Tanto come laranjas como pétalas de rosa!
Re: O Bluff vindo do CEO!
LINDO
o proximo pásso do mexia é...ejoelhar á frente do primeiro chines que lhe aparecer na frente, e depois ..talvez rezar. um porco não deixa de o ser apenas por alguem lhe por uma gravata no pescoço..
Dei lhe o meu ponto porque e preciso que se de o
Re: Dei lhe o meu ponto porque e preciso que se de
Todo contentinho, hein?
Confesse que estava com medo de perder o tacho (tacho? Trem de cozinha completo!)...
Oh Mexia !!

Eu também não estranho as tipas. O que estranho são as almofadas !!
Para este gajo esta tudo bem desde que va
enriquecendo a custa do empobrecimento do pais e a miséria da população..Portugal caiu nas mãos de gente sem escrúpulos a todos os níveis ate aos mais altos cargos políticos...
António Mexia Governo sem preconceitos
O que está a dar é mesmo ser cata-vento. Não me estou a referir a Mexia como é óbvio nem a Passos Coelho. Tal como o segundo que dizia antes, o que não faz agora, talvez Mexia se tivessem entregue a jóia a outro diria o mesmo. Bem faz quem procede assim, porque a honra e a palavra, tal como a virgindade, já não tem o valor de outros tempos. Agora são os tempos do salve-se quem puder. É que a coisa não está difícil, pois o primeiro, o segundo e o terceiro querem impontar os portugueses, mas lá foram já avisaram que não. Resta-nos este cantinho à beira mar plantado e se não tivermos mais nada resta-nos que o Sol não nos abandone e continue a nascer todos os dias, pelo menos para alguns, mas é pena que não seja para todos. Já agora aqui fica a frase de Mia Coto.
A maior desgraça de uma nação pobre
é que em vez de produzir riqueza,
produz ricos.


http://www.tvi24.iol.pt/v...

http://www.youtube.com/wa...

http://www.youtube.com/wa...

Sr Mexia
É graças a gente do seu calibre que hoje a maior parte do povo sofre, e as "nagaciatas" em que se meteram deram cabo do país.
Se nao fosse num eléctrico bem podia tratar se
de alguns daqueles ultra liberais corruptos que nos tem governado ou aqueles que saíram de ministros e entraram para altos cargos de grandes empresas. Polícias à paisana prendem carteiristas em flagrante em eléctrico de Lisboa (SIC)
Polícias da divisão de transportes públicos de Lisboa detiveram hoje em flagrante quatro pessoas a roubar uma carteira com 240 euros a um turista francês no elétrico 15, disse à Lusa fonte policial.
Senhor Mexia:
O Senhor tem a coragem, como cidadão limpo, impoluto e transparente que o Tribunal de Contas julgue as suas contas bancárias e as publique na informação pública portuguesa?
Tem a coragem que se analisem todas as situações em que, eventualmente, possa ter tomado decisões que o favorecessem pessoalmente e isso pertence, além do Tribunal de Contas à Polícia Judiciária?
Não me interessa um talvez, mas um sim ou não.
Re: Senhor Mexia:
os capangas do capitalismo....

Afinal a EDP era uma empresa de electricidade e agora fornece luz com recheio a sangue...

O capitalismo suja as mãos com sangue e com teorias de direitos humanos que não pratica.

Faz como digo e não....

Ai Mexia, mexia és o maior!!!

Então chamas preconceitos aos Direitos Humanos?

Olha que eléctrica e ética não são a mesma coisa, rapaz!
Re: os capangas do capitalismo....
Re: os capangas do capitalismo....
Re: os capangas do capitalismo....
Re: os capangas do capitalismo....
Re: os capangas do capitalismo....
Monopolio competitivo? :D
Ontem o Sr Mexia deu uma entrevista na TV a dizer que so esperava continuar a fornecer energia a preços competitivos, preços competitivos para aqui e para ali etc, um discurso bonito e convincente.

Agora so me resta saber se os preços são competitivos então onde esta a tal competição/concorrencia
Re: Monopolio competitivo? :D
O governo não é preconceituoso
O governo não tem preconceitos em relação a vender empresas portuguesas aos chineses. O governo apenas é preconceituoso internamente: não gosta dos trabalhadores portugueses, pois todos eles são uma corja de malandros, preguiçosos e mandriões, que é necessário pôr a trabalhar de graça mais 22 dias no próximo ano para aprenderem a não auferirem salários ao nível dos administradores de empresas: 485 euros mensais.

Ah, meu Deus!, pudesse o governo vender uma participação dos trabalhadores portugueses à China e, Deus sabe!, tudo se resolveria!...
PORTUGAL MAIS POBRE !
Esta gente que de Política não percebe ( são tecnocratas ), a Política deve ser nobre e elevada,cumpriu tal como o escravo mais uma etapa daquilo que é a alienação do Património de Portugal.Como se constata é verdadeiramente catastrófico aquilo que esta gentalha está a fazer,retalhar o pouco que é rentavél para Portugal e os Portugueses.
A pior notícia para Portugal nesta quadra.
Re: PORTUGAL MAIS POBRE !
Comentários 40 Comentar

Últimas

Ver mais

Edição Diária 17.Abr.2014

Leia no seu telemóvel, tablet e computador
PUBLICIDADE

Pub