Anterior
ASAE não fiscaliza alimentos há mais de três meses
Seguinte
Acidente na Ponte 25 de Abril obriga ao corte de duas vias
Página Inicial   >  Atualidade / Arquivo   >  António Costa não afasta candidatura à liderança do PS

António Costa não afasta candidatura à liderança do PS

O presidente da Câmara de Lisboa diz que "nunca se verificaram as circunstâncias" para se candidatar a secretário-geral do PS, mas admite ter "algumas qualidades" úteis para a função.

Lusa |
António Costa não afasta candidatura à liderança do PS

Concentrado na vida autárquica, António Costa admite que houve alturas em que quis ser secretário-geral do PS e que tem mesmo "algumas qualidades" úteis para a função, mas lembra que este não é o momento para colocar a questão.

Cinco anos depois de ter tomado posse como presidente da Câmara de Lisboa, a 1 de agosto de 2007, o ex-ministro da Administração Interna diz, em entrevista à agência Lusa, que governar um município "tem de implicar um grande gosto" e disponibilidade permanente, envolvendo um grau de exigência "muito superior a ser membro do Governo".

Há alguns anos não se imaginava à frente da autarquia da capital, mas, de qualquer forma, entende que não se escolhe o que se quer fazer na política: "Já vi gente tão infeliz com imensos sonhos de vida que não realizaram e o que tenho visto é que a vida política é menos aquilo que nós queremos que seja, mas aquilo que em cada momento uma pessoa pode ser em função da utilidade que tem".

Sobre a possibilidade de ser secretário-geral socialista, como defenderam já várias figuras do partido, António Costa considera que "nunca se verificaram as circunstâncias" para assumir o cargo.

Questão não se coloca agora


"Houve alturas em que eu queria e não podia ser, houve alturas em que eu queria e havia pessoas mais bem colocadas, houve alturas em que não queria.

Essas perguntas não se fazem em abstrato, fazem-se no momento certo, quando as oportunidades existem.

Neste momento é um problema que não se coloca, o PS tem um líder. Se um dia estiver em discussão, poder-me-á fazer a pergunta e logo verei que resposta estarei em condições de dar", afirma.

Por isso, e apesar de assumir que poderá voltar a candidatar-se nas autárquicas de 2013, a hipótese não está excluída.

"Se me perguntar se eu posso ser guarda-redes do Benfica, digo-lhe claramente não posso ser guarda-redes. Ser secretário-geral do PS é diferente. Acho que tenho algumas qualidades que poderia mobilizar a favor dessa função. É uma pergunta que se pode fazer em abstrato, não se pode é responder em abstrato", sustenta.

Centrado no trabalho autárquico


Por estar "muito concentrado no trabalho autárquico", António Costa refere que não tem acompanhado o desempenho do PS com a atenção necessária para "fazer uma avaliação muito justa do trabalho de oposição que o partido tem ou não feito na Assembleia da República", pelo que prefere não fazer comentários à prestação dos socialistas.

Os contactos com o grupo parlamentar têm sido, aliás, "muito poucos".

No entanto, e embora não seja habitualmente visto em público com António José Seguro como com o anterior secretário-geral, José Sócrates, assegura que a sua relação com o partido é, como sempre foi, muito normal: "Não tenho estados de alma com o PS, nem creio que o PS tenha estados de alma comigo".


Opinião


Multimédia

Edwin. O rapaz que aprendeu a sonhar

O que Edwin sabia sobre a vida era sobreviver. Na cabeça dele não cabiam sonhos e os dias eram passados à procura de comida para ele e para a mãe e para o irmão. A fome espreitava nos cantos da barraca de palha no Quénia e ele escondia-se dela como podia - chupar as pedras era uma forma de a enganar. Mas a sorte dele mudou porque alguém viu nele outra coisa. E tudo começou numa dança. Agora, os mesmos dedos que agarravam as pedras tocam hoje teclas de um piano Bechstein. E os pés dele já não estão nus mas calçados. Com chuteiras. Primeiro no Benfica, agora no Estoril, o miúdo de 15 anos que fala como gente grande descobriu que tinha um sonho: ser futebolista. Como Drogba.

Todas as ilhas têm a sua nuvem

Raul Brandão chamou-lhe 'A Ilha Branca'. Como viajante digo que tem um verde diferente das outras oito que com ela formam o arquipélago dos Açores. É tenra, mansa, repousante e simultaneamente desafiante. Esconde segredos como a lenda da Maria Encantada e um vulcão florestado a meio do século passado que nos transporta para uma dimensão sulfurosa e mágica. Obrigatória para projetos de férias de natureza.

Em três quartos de hora não se esquece só a idade. "Esquece-se o mundo"

Maria do Céu dá três voltas ao lar sempre que pode. Edviges vai a todos os velórios, faz hidroginástica e sopas de letras. António dá um apoio na Igreja e nos escuteiros. Tudo é uma ajuda para passar os dias quando se tornam todos iguais. No Pinhal Interior Sul, a região mais envelhecida da União Europeia, quase um terço da população tem mais de 65 anos. Os mais velhos ficaram, os mais novos partiram.

Profissão: Sniper

O Expresso foi ver como são selecionados, que armas usam, para que missões estão preparados os snipers da Força de Operações Especiais do Exército. São uma elite dentro da elite. Um pelotão restrito. Anónimo. Treinam diariamente com um único objetivo: eliminar um alvo à primeira, mesmo que esteja a centenas de metros. Humano ou material. Sem dramas morais, dizem.

Xarém com conquilhas

Especialista em pratos de confeção acessível, com ingredientes ao alcance de qualquer pessoa, Tiger escolheu a gastronomia como forma de estar na vida. Veja, confecione, desfrute e impressione com esta nova receita.

O que se passa dentro da cabeça dele

O que leva um tipo a quem iam amputando uma perna a regressar ao sítio onde os ossos se desfizeram, uma e outra vez, e testar os limites do seu corpo? Resposta: a busca pelo salto perfeito, que ele diz existir dentro dele e que ele encontrará mais dia menos dia. É a fé e a confiança que o movem e o levam a pular para lá do que é exigido a um campeão olímpico e mundial que não tem mais nada a provar a ninguém - a não ser a ele próprio. Este é um trabalho que publicámos em agosto de 2014, quando o saltador se preparava para os Europeus e falava das metas que tinha traçado para 2015 e 2016: mostrar que não estava acabado. Sete meses depois, provou-o no Europeu de pista coberta em Praga, onde venceu este fim de semana.

Amadeu, que aprendeu o mundo no campo e tinha o coração na ponta dos dedos

Em Portugal, a dedicação à língua mirandesa tem nome próprio: Amadeu Ferreira, o jurista da CMVM que - quando todos diziam que "era uma loucura impossível" - arranjou tempo para traduzir "Os Lusíadas", a "Mensagem", os quatro Evangelhos da Bíblia e ainda duas aventuras do Asterix para uma língua que pertence a um cantinho do nordeste português e é falada por menos de 15 mil pessoas. No final de 2014 deu ao Expresso aquela que viria a ser a sua última entrevista. Morreu no passado domingo e esta quinta-feira foi lançada a sua biografia, "O fio das lembranças", com quase 800 páginas.

Temos 16 imagens que não explicam o mundo, mas que ajudam a compreendê-lo

O júri do World Press Photo queria dar o prémio maior da edição deste ano (e talvez das edição todas) a uma fotografia com "potencial para se tornar icónica". A primeira imagem desta fotogaleria, por ser "esteticamente poderosa" e "revelar humanidade", é o que o júri procurava. A fotografia de um casal homossexual russo, a grande vencedora, é a primeira de 16 imagens de uma seleção onde há Messi desolado, migrantes em condições indignas no Mediterrâneo, a aflição do ébola, mistérios afins e etc - são os contrastes do mundo.

Vamos falar de sexo. Seis portugueses revelam tudo o que lhes dá prazer na cama

Neste primeiro episódio de uma série que vai durar sete semanas, seis entrevistados falam abertamente sobre aquilo que lhes dá mais satisfação na intimidade. Sexo em grupo, sexo na gravidez, prazer sem orgasmo e melhor sexo após a menopausa são alguns dos temas referidos nos testemunhos desta semana. O psiquiatra Francisco Allen Gomes explica ainda a razão de muitas mulheres fingirem o orgasmo. O Expresso e a SIC falaram com 33 portugueses que deram a cara e o testemunho de como são na cama. Ao longo das próximas sete semanas, contamos-lhe tudo.

Elvis. Gostamos ou não gostamos?

Ele não é consensual, mas é incontornável. Dispunha de penteado majestoso e patilha marota, aparentava olhar matador e pose atrevida. E deixou canções: umas fáceis e outras nem tanto, por vezes previsíveis e às vezes inesperadas, ora gentis ora aceleradas. E ele, Elvis, nasceu em janeiro de 1934 - há precisamente 40 anos, ao oitavo dia. Temos quatro textos sobre o artista: Nicolau Santos, Rui Gustavo, Nicolau Pais e João Cândido da Silva explicam o que apreciam, o que toleram e o que não suportam.

A última viagem do navio indesejado

Construído nos Estaleiros de Viana e pensado para fazer a ligação entre ilhas nos Açores, o Atlântida foi recusado pelo Governo Regional por alegadamente não atingir a velocidade pretendida. Contando com os custos associados à dissolução do contrato, o prejuízo ascendeu a 70 milhões de euros. Foi agora comprado a "preço de saldo", para mudar de nome e ser reconvertido num cruzeiro na Amazónia. Fizemos a última viagem do Atlântida e vamos mostrar-lhe os segredos do navio.

Desfile de vedetas

Saiba tudo sobre os modelos concorrentes ao Carro do Ano 2015/Troféu Essilor Volante de Cristal. Conheça o essencial sobre os 20 automóveis participantes nesta iniciativa, da estética, às características técnicas, do preço ao consumo. A apresentação ficará completa no dia 3 de janeiro.

Tudo o que precisa de saber sobre o ébola. Em dois minutos

Porque é que este está a ser o pior surto da história? Como é que os primeiros sintomas se confundem com os de outras doenças? É possível viajar depois de ter contraído o vírus, sem transmitir a doença? E estamos ou não perto de ter uma vacina? O Expresso procurou as respostas a estas e outras dúvidas sobre o ébola.

Desacelerámos a realidade para observar a euforia da liberdade

Ela, Jacarandá, é algarvia. Ele, Katmandu, é espanhol. São linces e agora experimentam a responsabilidade da liberdade: foram soltos esta terça-feira numa herdade alentejana, próxima de Mértola, eles que saíram de centros de reprodução em cativeiro. Foi inédito: nunca tinha acontecido algo assim em Portugal. Estivemos lá e ensaiámos o slow motion.


Comentários 55 Comentar
ordenar por:
mais votados
Sinais
Algo se mexe no PS. Medeiros Ferreira, numa loga entrevista, e agora António Costa, estão a fazer prova de vida.

No caso de Costa, parece-me ser uma das raras figuras, dentro do PS, que escapou mais ou menos, ap terramoto Sócrates e qie preservou a imagem de dignidade e honestidade.
Claro que, se se meter na corrida à liderança, tem que estar preparado para uma grande limpeza e para muitos alçaões armadilhados. Mas ele também já está bastante calejado, e se nomear Assis imediato,pode ser que consigam devolver ao PS o estatuto de um partido sério, capaz de governar.

Era bom para o sistema político..................
Seguro é um lider de 2ª
Re: Seguro é um lider de 2ª
Re: Seguro é um lider de 2ª
Re: Seguro é um lider de 2ª
Re: Seguro é um lider de 2ª
Re: Seguro é um lider de 2ª
Re: Seguro é um lider de 2ª
Re: Seguro é um lider de 2ª
Re: Seguro é um lider de 2ª
Re: Seguro é um lider de 2ª
Re: Seguro é um lider de 2ª
Re: Seguro é um lider de 2ª
Mais vale cair em graça…
Talvez, neste caso o provérbio não se aplique, porque AC, além de ter caído em graça, é engraçado. É provavelmente impoluto, mas é de certeza “político”, no que o político tem de cinismo e demagogia e, também do resto.

Subalternizado perante putativos líderes, tem escapado pelos pingos da chuva. Há piores, muito piores, sejamos justos. Mas daí à imagem cultivada de Madre Teresa de Calcutá…

Quando ministro, sobraram decisões e contratos de efeitos nefastos. Considero até uma injustiça com Sócrates, coloca-lo sozinho no “campo de batalha”: tinha cozinheiros, oficiais, ajudantes-de-campo… António Costa era um deles

Na CML não escapam as “pequenas” despesas de birra, como passar o gabinete para instalações em prédio alheio, com obras vultuosas a cargo do erário… aqueles pequenos “tiques” de: “fui eleito, logo isto é meu” -, que os políticos domésticos não têm a grandeza de se conseguir libertar

Ou aquela máxima de 1º as pessoas, cai por terra com, por exemplo, a cedência de espaços para eventos comerciais, sem que os residentes e comerciantes sejam ouvidos ou achados

Omito, porque também não tive tais expectativas, a limpeza da cidade e outros aspetos com que os residentes tropeçam no quotidiano

Mas é realmente é um homem “escorregadio” que encaixa em tudo o que é sítio. Um estilo “Wally”, em que custa a encontrar, mas sabemos que está.

  “Pessoalmente não gosto, mas se a maioria gosta, que posso fazer?

Re: Mais vale cair em graça…
Re: Mais vale cair em graça…
Novo leader com opçãp neo liberal nada resulta
A catastrofeque alastra pela Europa com o aumento da pobreza e miséria, andamos a comentar noticias previamente orientadasque só mantêm esta situação preversa e a nada conduzem. Seria muito mais importante o debate de alternativas a este estado de coisas e não insistirmos no ridículo de manter o sistema de ditadura dos mercados defendida por politicos ao serviço de interessesque nada têm a ver com os cidadãos, mas sim com interesses transnacionais, para além dos deles próprios,que dominam a actividade economica e os meios de comunicação social. São predadores implacáveis e as presas são os cidadãos incautos. Subtraiem às populções para adicionar à Banca, perante a passividade dos inocentes. E o mais preocupante não é a acção dos maus, mas o silêncio dos bons. Assiste-se ao desmantelamento, dissolução, desintegração, e destruição das identidades nacionais e da própia civilização, únicamente por razões ideológicas ultra liberais. Assiste-se por outro lado ao definhamento da Cultura com o advento deste sistema. Está a ser corroida de forma larvar os fundamentos da Democracia, transformada em inimiga do povo e não como um poder dele emanado. Portanto é urgente resistir a este pensamento únicoque nosquerem impôr. Mas a primeira condição para modificar a realidade consiste em conhecê-la, bem como às possiveis alternativas. Mas é dificil, dado o assalto feito à comunicação social. Instalou-se em Portugal uma estranha Democracia, onde uma minoria tudo recebe e o povo tudo paga.

Re: Novo leader com opçãp neo liberal nada resulta
granda costa a espetar a faca
já o seguro tinha feito o mesmo era o eterno sucessor,agora vem este eu estou cá ,vou rasgar o memorando,vou fazer como em frança,ganhou o xuxialista tudo ia mudar agora é que é,e a montanha pariu um xuxialista mais um mintiroso.
mais um vendedor de ilusões
Mais um representante do PS
Líder é um dirigente político que pode antecipar o seu tempo e é capaz de pôr em risco a sua liderança por objectivos que não são necessariamente populares, como a guerra contra os nazis ou a moeda única e uma Europa mais forte. Representantes, pelo contrário, conduzem os países por sondagens, não antecipam o seu tempo, governam cada dia como se as eleições fossem para a semana.
Era o PS...

Era o PS queriam o PSD, agora, temos o PSD, e eles querem o PS... E assim eles se vão governando... E o povo se lixando...

1981 ------ - Pinto Balsemão PSD - CDS - PPM
1981-1983 - Pinto Balsemão PSD - CDS - PPM
1983-1985 - Mário Soares PS (+PSD)
1985-1987 - Cavaco Silva PSD
1987-1991 - Cavaco Silva PSD
1991-1995 - Cavaco Silva PSD
1995-1999 - António Guterres PS
1999-2002 - António Guterres PS
2002-2004 - Durão Barroso PSD + CDS
2004-2005 - Santana Lopes PSD + CDS
2005-2009 - José Sócrates PS
2009-2011 - José Sócrates PS

Uma grande alternância política que nos levou a falência. Foi assim e continuará a ser assim: "per omnia secula seculorum."
Re: Era o PS...
real demo
mais um criminoso socialista que deve ser julgado e encarcerda. fora com estes bandidos!
SIC - Conversas Improvável

Uma conversa improvável.

O Zé Povinho a falar com Rafael Bordalo Pinheiro, o seu criador:

“Cá pelo país está tudo diferente e tudo na mesma. As lutas pelo poder continuam. Os partidos sucedem-se. Ainda há algum tempo em conversa com Rafael falámos sobre isso. E que a política é como uma “grande porca”, ambos concordamos. É na política que todos mamam. E como não chega para todos, parecem bacorinhos que se empurram para ver o que consegue apanhar uma teta."

À vista disso, o que resta, então, ao Zé Povinho?

É ele mesmo quem diz:

"Tá na hora de partir
pois não posso cá ficar.
Quando de mim precisarem
estou em qualquer lugar."
Re: SIC - Conversas Improvável
Re: António Costa não afasta candidatura à lideran
António Costa é um homem inteligente e seria uma mais-valia na liderança do PS. Mas é falso que esta questão não se coloque neste momento, porque deu toda a ideia de andar a piscar o olho ao CDS na última quadratura do círculo.
antonio-costa-nao-afasta-candidatura-a-lideranca-d
Até ao momento António Costa tem a seu favor uma imagem de credibilidade, competência e respeito. Perante tanto défice das qualidade que cito atrás, era bom para a credibilidade da política, mas também para o País, que mais gente com tais atributos tomem conta da situação. Não restam dúvidas a não ser a quem não quer ver o óbvio que a qualidade do governo e dos políticos em geral deixa muito a desejar. Nem quero falar no Relvas e no curso que não fez, nem em Passos que sempre deixou muitas dúvidas dentro das gentes PSD.

viriatoapedrada.blogspot.pt/2012/05/curriculum-vitae-de-passos-coelho.html

viriatoapedrada.blogspot.pt/2012/07/zeze-camarinha-requerimento.html

viriatoapedrada.blogspot.pt/2012/07/cavaco-silva-inscreveu-se-na-pide.html

viriatoapedrada.blogspot.pt/2012/07/genro-de-cavaco-compra-pavilhao.html

viriatoapedrada.blogspot.pt/2012/06/transparencia-carlos-moedas.html
Re: antonio-costa-nao-afasta-candidatura-a-lideran
Ó Costa
Põe olho nas minas é o que está a dar, pois os socialistas estão chamuscados pelo povo e a laranja já teve melhores dias neste ceu azul negro.
E os vermelhos andam a fogo, olha o que me havia de esperar?
!
Só lá faltas tu para que tudo fique na mesma. Todos sabem, ou deviam saber, que numa democracia do faz de conta onde o poleiro só se consegue com a mentiras e promessas falsas não há político que faça a décima parte daquilo que era necessário. Há muitas propostas que se vêem por aqui escritas, mas isso ia contra os intersses de uma chusma de lambões que se estão a abotoar todos os dias. Muitos querem fazer greve e não trabalhar; outros querem manter o estatuto e a mordomias que todos sabemos; outros querem leis feitas à sua medida par não serem apanhados nas suas malhas e muitos querem águas turvas para que posssam navegar. Com quase tantos anos de "democrácia" como tivemos de fascismo. Com quase 40 anos de votos do POVO o País está como está. Não pode haver mais ilusões apenas com a arma do POVO que é o voto!!!!
António Costa candidato á liderança
do PS, é uma das melhores opções a A. J. Seguro.
O PS é um partido com história, com gente de valor, um partido de cultura, moderno, inovador.
A. J. Seguro vem das jotinhas ( porque raio não acabam com essa pinderiquisse das jotinhas).
Tal como Relvas e Passos, amigos de peito e de longa data, de A. J. Seguro, este não inspira nenhuma confiança aos militantes ou simpatizantes do PS.
É uma personagem que gosta de atirar umas frases feitas para o ar, que valem o que valem.
António Costa foi dos muitos que estiveram ao lado do governo nos bons e nos maus momentos. Não fingiu que não sabia de nada, não enterrou a cabeça na areia como a avestruz. Deu sempre a sua opinião, e não se preocupou com julgamentos sumários.
Isto demonstra bem o carácter de uma pessoa.
É um homem com um pensamento moderno.
É uma pessoa que inspira confiança.
Seria uma grande viragem no bom setido para o PS.
Que com A. J.Seguro vai morrendo pouco a pouco.
ERA BEM PRECISO E IMPORTANTE PARA O PAÍS
Deus o sabe que votei, infelizmente PSD e que tão triste e arrependido estou ...
Um bando de charlatões, aldrabões, mentirosos etc.
Creio que António Costa, seria um excelelnte PM, desde que pugna-se pela redução das estruturas politicas do país em mais de 80% desde deputados, até freguesias, governos regionais, fundações, institutos, empresas publicas e municipais, que na sua maioria são lugares e organismos obsoletos e despesistas ...
Também combater sem tréguas e totalmente a fraude e a evasão fiscal, incluindo não dar apoio aqueles que fogem ao IVA e que não querem entregar os impostos que foram entregues e pagos pelos clientes etc. etc.
Força António Costa ... o país precisa de si, sem Sócratinos, Varas, Melancias, Relvas, Passos ou Coelhos, Duartes Limas, Costa do BPN, Isaltinos e mais uns quantos milhares que nos desgraçam a todos e comem o sangue, suor e lágrimas do povo, através de RENDAS, BPNS, PPPS, PPPs, E MUITAS OUTRAS BENESSES E MORDOMIAS DOS POLITICOS ...
Extinguir as freguesias, assembleias de freguesia, municipais e regionais e respectivos governos regionais, passando as suas competências e património para as Câmaras Municipais ... BASTA DE TANTO GLUTÃO ...
PRECISAMOS DE UM PAIS, POLITICAMENTE MUITO REDUZIDO, COM ÉTICA, MORAL, EQUIDADE, JUSTIÇA E HUMANISMO ...
Re: ERA BEM PRECISO E IMPORTANTE PARA O PAÍS
Re: ERA BEM PRECISO E IMPORTANTE PARA O PAÍS
Re: ERA BEM PRECISO E IMPORTANTE PARA O PAÍS
Re: ERA BEM PRECISO E IMPORTANTE PARA O PAÍS
PARTIDO SOCIALISTA...
António Costa é o unico que me faria voltar a votar no PS. Uns 20 anos atrás deixei-me disso. A Costa, até pela inteligente atitude que tem mantido merece-me crédito. Espero que ganhe estatuto para LIMPAR o Partido de muita oportunista que lá se instalou e terão o meu voto. Passos Coelho como 1º Ministro perdeu a oportunidade de entusiasmar a malta para ultrapassar as dificuldades ou porque não quiz e se assim fôr, enganou-nos (não votei nele) ou porque não o deixaram e então DEMITIA-SE. A.Costa tem um oportunidade semelhante no PS antes de chegar a 1º Ministro. (lá chegará).
Re: PARTIDO SOCIALISTA...
Re: PARTIDO SOCIALISTA...
Comentários 55 Comentar

Últimas

Receba a nova Newsletter
Ver Exemplo

Pub