21 de abril de 2014 às 1:39
Página Inicial  ⁄  Economia  ⁄  "Anonymous" atacou site da Bolsa de Nova Iorque

"Anonymous" atacou site da Bolsa de Nova Iorque

O grupo de piratas informáticos "Anonymous" atacou a página de internet da sociedade gestora da Bolsa de Nova Iorque, como demonstração de apoio ao movimento "Occupy Wall Street".
Lusa
"Ocupação" de Wall Street continua Andrew Burton/AP "Ocupação" de Wall Street continua

O grupo de piratas informáticos "Anonymous" cumpriu as ameaças e atacou a página de internet da sociedade gestora da Bolsa de Nova Iorque (NYSE), como demonstração de apoio ao movimento "Occupy Wall Street", acampados há três semanas em Manhattan.

O ataque informático causou lentidão no acesso à página de Internet durante alguns minutos sem, no entanto, afetar as operações eletrónicas da Bolsa de Nova Iorque, segundo reportaram os portais especializados Keynote e AlertSite.

Um porta-voz da sociedade gestora da Bolsa de Nova Iorque, Rich Adamonis, assegurou à CNN que não foi detetada "nenhuma interrupção" na página de internet da empresa.

Guerra à bolsa


O grupo "Anonymous", na origem de outros ataques informáticos nos últimos meses, tinha ameaçado na semana passada, através de um vídeo publicado no portal Youtube, "apagar da internet" o NYSE no dia 10 de outubro.

Os piratas informáticos declararam guerra à bolsa de Nova Iorque pelas detenções em massa de apoiantes do movimento 'Occupy Wall Street' (Ocupa Wall Street) no passado dia 1 de outubro.

"Ocupação" é legal


Entretanto o "mayor" de Nova Iorque, Michael Bloomberg, assinalou que enquanto "os indignados" de Wall Street cumprirem a lei poderão continuar acampados no parque no sul de Manhattan e realizar os seus protestos.

O movimento entrou na quarta semana de protestos no distrito financeiro de Nova Iorque contra a crise económica e os abusos do setor bancário.

Comentários 0 Comentar
PUBLICIDADE
Expresso nas Redes
Pub