Anterior
"Comigo não haverá despedimentos na função pública nem aumento de impostos"
Seguinte
Governo esconde do FMI intenção de baixar IRS
Página Inicial   >  Dossiês  >  Diário  >   Alemães falharam todas as contrapartidas nos submarinos

Defesa

Alemães falharam todas as contrapartidas nos submarinos

Pedro Catarino, o último presidente da extinta Comissão Permanente de Contrapartidas, está disponível para ir ao parlamento tirar tudo a limpo.
|
Alemães falharam todas as contrapartidas nos submarinos
 Alberto Frias

Houve uma tentativa sistemática por parte da empresa alemã Ferrostaal de enganar o Estado português, admite o embaixador Pedro Catarino, o último presidente da Comissão Permanente de Contrapartidas (CPC). Extinta em 2011, esta comissão controlava e validava a execução dos compromissos assumidos por todos os fabricantes de armas com grandes negócios no país. A Ferrostaal faz parte do consórcio alemão que vendeu dois submarinos a Portugal em 2004 por 820 milhões de euros e que assinou um contrato paralelo em que era obrigada a injetar 1210 milhões de euros em contrapartidas na economia portuguesa ao longo de oito anos. 

Para continuar a ler o artigo clique  aqui 


Opinião


Multimédia

Tudo o que precisa de saber sobre o ébola, em dois minutos

Porque é que este está a ser o pior surto da história? Como é que os primeiros sintomas se confundem com os de outras doenças? É possível viajar depois de ter contraído o vírus, sem transmitir a doença? E estamos ou não perto de ter uma vacina? O Expresso procurou as respostas a estas e outras dúvidas sobre o ébola.

Vai pagar mais ou menos IRS? Veja as simulações

Reforma do imposto protege quem tem dependentes a cargo, mas pode penalizar os restantes contribuintes. Função pública e pensionistas vão ter mais dinheiro disponível. Veja simulações para vários casos.

Costeletas de borrego com migas de castanhas

Especialista em pratos de confeção acessível, com ingredientes ao alcance de qualquer pessoa, Tiger escolheu a gastronomia como forma de estar na vida. Veja, confecione, desfrute e impressione.

A última viagem do navio indesejado

Construído nos Estaleiros de Viana e pensado para fazer a ligação entre ilhas nos Açores, o Atlântida foi recusado pelo Governo Regional por alegadamente não atingir a velocidade pretendida. Contando com os custos associados à dissolução do contrato, o prejuízo ascendeu a 70 milhões de euros. Foi agora comprado a "preço de saldo", para mudar de nome e ser reconvertido num cruzeiro na Amazónia. Fizemos a última viagem do Atlântida e vamos mostrar-lhe os segredos do navio.

Strogonoff de peixe espada preto

Faz agora cinco anos que o Chefe Tiger, especialista em pratos de confeção acessível e com ingredientes ao alcance de qualquer pessoa, começou esta aventura gastronómica. Veja, confecione, desfrute e impressione.

Caril de banana

Faz agora cinco anos que o Chefe Tiger, especialista em pratos de confeção acessível e com ingredientes ao alcance de qualquer pessoa, começou esta aventura gastronómica. Veja, confecione, desfrute e impressione.

Tem três minutinhos? Vamos explicar-lhe o que muda no orçamento de 350 mil portugueses (e no de muitas empresas)

O novo salário mínimo entrou em vigor. São mais €20 brutos para cerca de 350 mil portugueses (números do Ministério da Segurança Social, porque os sindicatos falam em 500 mil trabalhadores). Mudou o valor, mas também os descontos que as empresas fazem para a Segurança Social. Porque se trata de uma medida que afeta a vida de muitos portugueses, queremos explicar o que se perde e o que se ganha, o que se altera e o que se mantém.

Cantaril com risotto de espargos

Faz agora cinco anos que o Chefe Tiger, especialista em pratos de confeção acessível e com ingredientes ao alcance de qualquer pessoa, começou esta aventura gastronómica. Veja, confecione, desfrute e impressione.

Music fighter: temos Marco Paulo e Bruno Nogueira numa batalha épica

Está preparado para um dos encontros mais improváveis na história da música portuguesa? O humorista Bruno Nogueira e a cantora Manuela Azevedo, dos Clã, pegaram em várias músicas consideradas "pimba" - daquelas que ninguém admite ouvir mas que, no fundo, todos vão dançar assim que começam a tocar - e deram-lhe novos arranjos, num projeto que chegou aos coliseus de Lisboa e do Porto.  "Ninguém, ninguém", de Marco Paulo, tem possivelmente a introdução mais acelerada e frenética do panorama musical português. Mas, no frente-a-frente, quem é o mais rápido? Vai um tira-teimas à antiga?

Dez verdades assustadoras sobre filmes de terror

Este vídeo é como o monstro de "Frankenstein": ganhou vida graças à colagem de partes de alguns dos filmes mais aterrorizantes de sempre. Com uma ratazana mutante e os organizadores do festival de cinema de terror MotelX pelo meio. O Expresso foi à procura das razões que explicam o fascínio pelo terror, com muito sangue (feito de corante alimentar) à mistura. 

A paixão do vinil

Se para muitos o vinil é apenas uma moda que faz parte da cultura do revivalismo vintage, para outros ver o disco girar nunca deixou de ser algo habitual.

Portugal foi herdado, comprado ou conquistado?

Era agosto em Lisboa e, às portas de Alcântara, milhares de homens lutavam por dois reis, participando numa batalha decisiva para os espanhóis e ainda hoje maldita. Aconteceu em agosto de 1580. Mais de 400 anos depois, o Expresso deu-lhe vida, fazendo uma reconstituição do confronto através do recorte e animação digital de uma gravura anónima da época.

O Maradona dos bancos centrais

Dizer que Mario Draghi está a ser uma espécie de Maradona dos bancos centrais pode parecer estranho. Mas não é exagerado. Os jornalistas João Silvestre e Jorge Nascimento Rodrigues explicaram porquê num conjunto de artigos publicado no Expresso em Novembro de 2013 e que venceu em junho deste ano o prémio de jornalismo económico do Santander e da Universidade Nova. O trabalho observa ainda o desempenho de Ben Bernanke no combate à crise, revisita a situação em Portugal e arrisca um ranking dos 25 principais governadores de bancos centrais. Republicamos os artigos num formato especial desenvolvido para a web.

Com Deus na alma e o diabo no corpo

Quem os vê de fora pode pensar que estão possuídos. Eles preferem sublinhar o lado espiritual e terapêutico desta dança - chamam-lhe "krump" e nasceu nos bairros pobres dos Estados Unidos. De Los Angeles para Chelas, em Lisboa, já ajudou a tirar jovens do crime. Ligue o som bem alto e entre com o Expresso no bairro. E faça o teste: veja se consegue ficar quieto.

O Cabo da Roca depois da tragédia que matou casal polaco

Os turistas portugueses e estrangeiros que visitam o Cabo da Roca, em Sintra, continuam a desafiar a vida nas falésias, mesmo depois da tragédia que resultou na morte de um casal polaco, cujos filhos menores estavam também no local. Durante a visita do Expresso, um segurança tentou alertar os turistas para o perigo e refere a morte do casal polaco. O apelo não teve grande efeito. Veja as imagens.


Comentários 33 Comentar
ordenar por:
mais votados
Na Grécia o ministro da defesa foi julgado e preso
Aqui anda armado em "Irrevogável" e a gozar com os portugueses!!

Mas alguém acredita que depois de meter ao barulho o BES nestes negócios milionários com o estado, que isto iria dar alguma coisa para os outros empresários!? Nem pensar!!
MAS se sabe mais....
Tu é que eras bom para isso, pq foste PIDE, não?
Pronto...
Não vejo qual o problema
as contrapartidas dos Alemães FORAM NOS TEREM AJUDADO junto do BCE por forma a que as taxas de juro baixassem INDEPENDENTEMENTE DE CONTINUAREM COM RATING DE LIXO... E isto vale mais que meros trocos em contrapartidas!
Grande novidade !!

Ó haveria qualquer outra razão para que o Portas e o Burroso alterassem cadernos de encargos e mudassem de fornecedor, remetendo para um canto a empresa francesa que ganhou o concurso.

Ah, e quanto a Comissões de Inquérito Parlamentar a formar, são óptimas. São constituídas exactamente respeitando a proporcionalidade dentro do Hemiciclo. Ou seja, votem já o resultado, a maioria serve para tudo, só se poupa tempo e trabalho.
E já agora dinheiro, pois os senhores deputedos ganham 69 euros dia por cada um que passam em Comissão de Inquérito.
A coisa dá cá uma trabalheira acrescida !!
.
Mas convém frisar isso!
.
.
Bem vistas as coisas oa Alemães falharam todas
as contrapartidas, menos uma a irrevogável..........
Para quem não conhece

www.tretas.org/DossierSubmarinos

Um trabalho digno de registo, que competiria a um jornalismo independente, ávido de informar e sem receio do sub-mundo da política e do bas-fond dos negócios, em que toda a imprensa em geral tem o rabo preso.
Assim foi como o caso BPN, em que a imprensa se vendeu, com medo de perder quem só em publicidade lhes pagava as despesas de funcionamento.

O dossier acima tem dias e dias de leitura. Aconselho, para ler e reflectir !
'Alemães falharam todas as contrapartidas
Ah... as MENTIRAS DAS ESTATÍSTICA, como diria Henrique Monteiro.
Assim, chocou-me ver o título de uma caixa no jornal que dizia, "quase 90% do total (das contrapartidas) por cumprir, até ao final de 2013". E depois esmiuçava a lista dos oito negócios de armamento que o parlamento ia investigar, com uma estimativa do que estava cumprido. E aqui pasmei:
* TODOS os negócios originados em governos PSD/CDS tinham execuções abaixo dos 20%: 17%, 0% e 0%.
* TODOS os negócios originados em governos PS, exceto UM, tinham execuções acima dos 60%: 122%, 99%, 78%, 61% e a ovelha negra, 12%.
Contas feitas, os negócios contratados pelos socialistas tinham execuções acima dos 50% (50.6%), enquanto os contratados pelos partidos deste governo, tinham... 6% (6.4%), quase 8 vezes menos. Como é óbvio, é a má execução dos projetos partidos do PSD e CDS que puxa a percentagem média para 13%.
Eu nunca me teria atrevido a tirar ilações daqui até hoje. As execuções são um processo contínuo, e podem estender-se a mais do que um governo. Como atribuir as responsabilidades neste cenário? Mas hoje leio no diário digital do Expresso, que os contratos dos submarinos assinados pelo governo PS/PSD estavam blindados por normas que nunca se tinha visto... e daí que a execução tivesse sido ZERO por cento.
CORREÇÂO: governo PSD/CDS...
Humm, não tarda aparece o inguias...
Pouca sorte ainda não ter aparecido...
A corrupção não é só apanágio do Sul
A Ferrostaal acabou com esse mito da Alemanha séria e honesta, as suas empresas corrompem como qualquer outra multinacional de qualquer outro país para ganhar concursos no exterior, o problema deverá ser sempre atacado pelo corrompido...
O problema é geral, e não tem que ver com
Exactamente....
Muito bem!
Não se trata de ser ou deixar de ser Salazarento,
Há a acrescentar
Qual mito?!
Para o senso comum
Está na hora do Portas ir preso
Está na hora de se tirarem todas as ilações políticas, cíveis, criminais e de civilidade sobre este assunto. O CDS tem culpas demasiado sérias no cartório. O actual Ministro Paulo Portas tem de ser responsabilizado imediatamente. Os portugueses devem exigir que o poder político se envergonhe deste caso, ainda para mais quando há fome em Portugal.
MAS SE SABE alguma coisa.....
Saber até sei
Como de uma telenovela.
Os homens do Estado não mostram Princípios de moral. Exemplos por toda a parte de pessoas que desconhecem valores como a Palavra e a Honra. Vai passar tanto tempo e ficar como um "mistério". Que vergonha! Adão diz para Deus que foi Eva que teve uma relação sexual com ele e por isso esconderam os órgãos sexuais. Eva diz que foi Lúcifer que a enganou tendo com ela uma relação sexual ( e este entretanto estabeleceu a sua linha de sangue ) Este reclama toda a humanidade como seus filhos e vejam todas as misérias que temos em Portugal. Nenhum é culpado da "pobreza" de Portugal. Sócrates não entra nada. Cavaco Silva é apenas um economista. Passos Coelho e Paulo Portas andam distraídos sem saber o que fazer. Quando mudarmos a nossa linha de sangue teremos encontrado a verdadeira Liberdade! Como Portugal não poderia ter tantos problemas? O pior inimigo dos Portugueses são os próprios Portugueses que desconhecem a Vida e por isso a não podem multiplicar.
Ora bolas !
LÚCIFER
TUDO PARA DEPOIS?
Ele é o TC. Ele é os cortes nos funcionários e pensionistas. Ele é o "saber-se tudo" sobre a golpada dos submarinos. Ele é a Tecnoforma que não sai da gaveta. São resmas de "eles"...para DEPOIS das eleições. Ou seja, já sabem que o povo é facilmente manipulável, como se verificou em 2011, vai daí adiam tudo...PARA DEPOIS DAS ELEIÇÕES. Pode ser que o tiro lhes saia pela culatra...
Isto é negociata completa
1º eram 4 submarinos, depois alguém achou que 4 era muito e corta para metade, no meio disto tudo já devia haver luvas por tudo o que mexe.

Esta é mais uma negociata, passou por todos e morre solteira.
Como querem encontrar a justiça? Seus malvados.
A nossa mente é extraordinária. Superior a um computador. Gravamos tantos dados. A História de Portugal deve ser escrita. Cada um será responsável das suas ações. Se Portugal encontra tantos problemas a razão é as pessoas serem pouco de boas. Alguns se enriquecem em poucos anos mas na verdade são sempre uma miséria. Apenas multiplicam o que guardam no "coração". Que interessa um poder até ser o Presidente de todos os Portugueses se depois não encontrou o Amor?. Isto não qualifica uma pessoa. Portugal está á espera de Portugueses para poder mudar. De pessoas justas para encontrarem a justiça. Uma que seja absoluta!
Comentários 33 Comentar

Últimas


Pub