20 de abril de 2014 às 12:24
Página Inicial  ⁄  Dossiês  ⁄  Dossies Economia  ⁄  O resgate de Portugal  ⁄  Ajuda externa: consultas políticas arrancam a 18 de abril

Ajuda externa: consultas políticas arrancam a 18 de abril

Os especialistas da Comissão Europeia, Banco Central Europeu e FMI chegam terça-feira a Lisboa. A primeira missão é fazer uma avaliação técnica da economia portuguesa. As negociações começam na semana seguinte. Clique para visitar o dossiê O resgate de Portugal
Lusa

As negociações políticas sobre o programa de resgate a Portugal arrancam a 18 de abril, anunciou hoje o Fundo Monetário Internacional (FMI).

Clique para aceder ao índice do dossiê O resgate de Portugal

"Depois de um pedido das autoridades portuguesas, os peritos do FMI vão juntar-se às equipas da Comissão Europeia e ao Banco Central Europeu para uma avaliação técnica da situação atual da economia portuguesa esta terça-feira, 12 de abril", disse em comunicado Caroline Atkinson, diretora de Relações Exteriores do FMI.

Esta avaliação técnica "servirá de base para as conversações políticas que começarão na segunda-feira seguinte, 18 de abril", acrescentou.

Segundo o porta-voz da Comissão, Cezary Lewanowicz, a missão dos peritos de Bruxelas, do Banco Central Europeu (BCE) e do FMI destina-se a preparar as negociações ao nível político entre a União Europeia, banco central e o fundo os partidos políticos portugueses.

Os especialistas da 'troika' vão reunir-se com responsáveis do Ministério das Finanças para debater os "detalhes técnicos" do plano de resgate, que o comissário europeu dos Assuntos Económicos, Olli Rehn, estimou, na sexta-feira, em cerca de 80 mil milhões de euros.

Comentários 10 Comentar
ordenar por:
mais votados ▼
FMI + FBI, urgentemente!
A verdade, verdadinha é esta, neste instante, sou um português com o orgulho ferido, envergonhado.
Para os estrangeiros, todos, eu sou português, oriundo de um país pobre, endividado, sem recursos, sem rei nem roque, de mão estendida por ter gastado mais do que o que produzia.

Imagino a chacota que se faz de nós, portugueses, por esse mundo fora!

E pior que tudo isto, tenho no meu Portugal um Governo incompetente, mentiroso, que em vez de pedir desculpa e se demitir, vai concorrer de novo a eleições, como se nada tivesse acontecido, como se não tivessem eles a responsabilidade de ter andado a pedir tanto dinheiro emprestado.

Porra, Sócrates!
Onde é que tu gastaste 70 Mil Milhões?
Alguém ficou com eles!
Venha o FMI + o FBI, URGENTEMENTE!
consultas políticas ????
Quadro clínico:

"consultas políticas arrancam a 18 de Abril"
"Análises clínicas, segunda quinzena de Abril
"TAC's e Ecografias, primeira quinzena de Maio
"diagnóstico clínico até meados do Maio"
"intervenção cirúrgica marcada para 5 de Junho de 2011"
Análise às contas
Os peritos do FMI e as equipas da Comissão Europeia e do BCE vão fazer uma avaliação técnica da situação actual da economia portuguesa que servirá de base para as conversações políticas que culminarão com o resgate de 80 mil milhões de euros.
Daqui pode inferir-se que Bruxelas parte da estaca zero e não do PEC IV, ao contrário do que afirmou o PM.
Finalmente, os portugueses vão conhecer ao pormenor a "desgraça" das nossa contas públicas e que o governo nos tem escondido.
O FMI não brinca em serviço e Teixeira dos Santos, vai ter muito que "EXPLICAR"
Será que o défice vai ser o mesmo ?
Será que não haverá muita desorçamentação ?
Será que debaixo do tapete não vão encontrar inúmeras facturas e de valor elevado e que não entraram nas contas de 2010 ?
Na Saúde nem é bom falar !
O governo tem aqui a sua prova de vida.
E de certeza que a sua competência vai ser posta em causa pela equipa que vai passar TUDO a pente fino!
Adivinha-se um "FIM NEGRO" para um governo que conduziu o País ao ABISMO !
E quantos sacrifícios não nos vão ser impostos devido a governos incompetentes e que só a tuaram após dois anos a crise já cá estar ?
Para cúmulo ainda houve um ministro "patusco" que nos disse que a crise já tinha acabado e outro de que a mesma nos passaria ao lado porque tinham feito o trabalho de casa !
Malabarismo perfeito !

Sugestão
Luís Amado, ministro de estado, afirmou que ao governo não faria mal uma cura de oposição !
Porque não seguem essa sugestão ?
E contem comigo, s. f. f.
Se os “senhores do dinheiro” (aprendi com o Jerónimo) vêm cá para saber as necessidades, devem tomar as minhas em consideração. Bem, no meu caso são direitos. Sou socialista, e o meu líder - cujas palavras são um conforto em momentos de aflição – garantiu que há dinheiro. Uns senhores aqui do Expresso – pessoas sérias e muito bem informadas – dizem o mesmo.

Passo a descriminar: estadia no Algarve em todas as tolerâncias de ponto. Que como sabem, é quando o patrão nos diz: “só vens trabalhar se quiseres” – Prova que somos mulheres (devemos sempre citá-las primeiro, que não somos machistas. Para lhes dar porrada é em casa) e homens livres num país livre. Não é como os alemães que trabalham, trabalham, trabalham (uff) e sem tempo para nada. E depois somos nós a vítimas a ter que andar com a porcaria dos BMW e Audis que fabricam. Se não fossemos nós… ai não sei, não.

Bom, vou continuar que prá frente é que é o caminho: férias (as de Verão) em Acapulco. Ainda tive dúvidas, mas após ouvir o meu líder, confirmei-as.

Comprei o “Q7” por causa do namorado da minha filha. O rapaz é daqueles à rasca, mas tem direitos e, um deles, era um lugar no carro. Quando ganharmos as eleições (não há outra hipótese) já tem emprego com carro incluído. Tudo garantido.

Sendo a oposição responsável pela crise, ela que discuta as desgraças. Quando decidirem a quantidade de grana, pois que a entreguem em S.Bento e, se ninguém atender, no Largo do Rato.

A distribuir, somos os melhores
Consulta
A consulta deve ser muito rápida.
Deve equivaler ao tempo que leva uma consulta médica num qualquer Centro de Saúde se tivermos em conta a afirmação de José Sócrates no comício de fim de semana de que o PEC tinha merecido todo o apoio de Bruxelas !
Se assim é, qual a razão de uma tão vasta equipa vir a Portugal para passar as contas públicas a pente fino ?
Há aquii algo que não bate certo !
Mais um malabarismo ?
Certamente !
FMI
Mas deixem-me cá ver, piis eu penso que não sofro de amnésia...
José Sócrates não afirmou a pés juntos que "jamai" governaria como FMI ?
Quem muda de opinião de uma forma tão primária não pode deixar de ser acusado de CATAVENTOS !.
E no dia 5 de Junho, VAI PARA CASA, pois bem "MERECE" pois tão bos bons servços prestou ao País !
Até lá vai servir de capacho do FMI que tanto diabolizou mas teve de engolir por culpa prória e não da Oposição, como nos quer fazer crer !
E se o PEC IV sra suficiente porque razão razão Bruxelas mandou a Lisboa um aequipa de peritos para analisar as nossas contas públicas ?
Aquilo devem estar uma verdadeira delícia e só vai merecer fortes encómios.
O cansado e desastrado Teixeira dos Santos bem merece uma estátua, mas no LUGAR DO RATO !
Negociação
Mas que raio de negócio os portugueses haviam de arranjar, só dá prejuízo, os caixeiros mal sabem vender e os donos da loja só tem jeito para meterem o dinheiro da caixa na algibeira. Por isso não sei que negociação vai sair daqui pois os mercadores (donos do mercado) já fizeram a sua declaração unilateral é como eles querem e mais nada, será que vem dizer aos "donos da loja" quanto é que eles podem arrebanhar caso se entendam na forma de saquear a algibeira dos pobres portugas.
O congresso marciano
Agora que acabou o congresso dos marcianos, e os terraqueos já sem furos no cinto vão dar as boas vindas aos abutres, era bom que estes extraterrestres descessem à terra e começassem a falar português e não marciano, não fazendo demagogia como as afirmações feitas no congresso da defessa do SNS ou escola pública ou.........
quanda ainda nem sabem o que vai sobrar da lista que os abutres vão apresentar.

Estes marcianos alucinados ainda não perceberam que a festa acabou e que a mentira tem de deixar de ser a língua oficial.
A análise que devia ser feita a esses pacóvios,
era um exame de próstata. Com um tronco de madeira verde, enrolado com arame farpado.
PUBLICIDADE
Expresso nas Redes
Pub