Siga-nos

Perfil

Expresso

Atualidade / Arquivo

Soares: É importante que auditoria da Madeira seja conhecida antes das eleições

O ex-Presidente da República considera que a auditoria e o plano de ajustamento da Madeira devem ser divulgados antes das eleições regionais.

O ex-Presidente da República Mário Soares considerou hoje "importante" a divulgação pública da auditoria às contas da Madeira e do plano de consolidação orçamental para aquela região antes das eleições de 9 de outubro.

"Acho que sim, essa é uma coisa importante para as eleições", afirmou Mário Soares à agência Lusa, depois de questionado sobre a auditoria às contas da região e o plano de ajustamento que está a ser definido pelo Governo e se estes documentos devem ser conhecidos publicamente antes do confronto eleitoral.

À entrada para a sessão onde vai apresentar o novo livro do escritor Valter Hugo Mãe, em Lisboa, o antigo chefe de Estado e também ex-primeiro ministro escusou-se a fazer mais comentários sobre a situação das contas na Madeira: "Já falei sobre isso".

"Não é altura para falarmos disto aqui, desculpe", disse o fundador do PS, antes de entrar na livraria, cheia para a apresentação do livro.

Preocupação com contas da Madeira

Ainda interrogado sobre as propostas de criminalização do enriquecimento ilícito, apresentadas por PSD/CDS-PP, PCP e BE e que foram aprovadas na sexta-feira no parlamento, e sobre a do PS para criminalizar declarações falsas ou não entregues por titulares de cargos públicos, Soares recusou

fazer qualquer comentário.

"Não assisti, não estava cá sequer, estava em França, não posso falar de uma coisa que não sei", alegou.

Na quarta-feira, Soares disse em Coimbra, onde assistiu ao doutoramento 'honoris causa' do cientista António Damásio, que vê com "preocupação" o défice nas contas públicas da Região Autónoma da Madeira.

"Vejo com preocupação, como é evidente", afirmou na altura, instado a comentar o 'buraco financeiro' nas contas da Madeira, mas escusando-se a fazer mais considerações sobre o assunto.