Expresso

Siga-nos

Perfil

Perfil

Atualidade / Arquivo

"O senhor ministro só diz o que lhe interessa"

  • 333

Carta aberta a Aguiar-Branco "não tem conotação política", afirma ao EXPRESSO o presidente da Associação dos Oficiais das Forças Armadas.

Raquel Pinto (www.expresso.pt)

O presidente da Associação dos Oficiais das Forças Armadas garante ao EXPRESSO que a carta aberta ao ministro da Defesa Aguiar-Branco "não tem qualquer conotação política".

"O senhor ministro não tem razão. A abordagem tem que ver com as Forças Armadas, em que se integra. É um instrumento de defesa dos direitos da militares e da instituição", afirma o coronel Pereira Cracel. "Consideramos que representamos os militares sem colocar em causa as chefias", acrescenta.

Confrontado pelo EXPRESSO com a referência na missiva dos dossiês BPN e PPP´s, Pereira Cracel considera que "o senhor ministro só diz o que lhe interessa". E explica o contexto: "Esses são exemplos publicamente conhecidos e conversados e que de alguma maneira representam efeitos na sociedade em geral e nas Forças Armadas, com a transferência de dinheiros públicos para proveito privado".

O dirigente frisa que "antes de militares são cidadãos" e tal como está mencionado na carta "nada os obriga a serem submissos, acomodados e apolíticos". 

Sobre a hipótese de enveredarem por outra forma de protesto é perentório: "Não. Longe disso". "Se o senhor ministro é adepto da democracia, estamos do lado dele, com ações concretas. Não bastam palavras", conclui.