Expresso

Siga-nos

Perfil

Perfil

Atualidade / Arquivo

Nova testemunha depõe contra Berlusconi

  • 333

Uma ex-modelo brasileira vai dizer a tribunal que testemunhou o relacionamento sexual entre o ex-primeiro ministro italiano e a jovem marroquina Ruby, na altura com 17 anos.

Michelle Conceição, uma ex-modelo brasileira, está prestes a dizer à Justiça italiana que viu, com os próprios olhos, que o ex-primeiro ministro mantinha relações sexuais com uma jovem, na altura com 17 anos, diz o jornal "El Mundo".

Silvio Berlusconi é acusado, num processo a decorrer no tribunal de Milão, de ter pago para ter relações sexuais com uma menor, a marroquina Karima El-Mahroug, conhecida como Ruby, durante festas realizadas na sua casa.

A ex-modelo brasileira diz estar disposta a dizer às três juízas que julgam o caso que na noite de 25 de abril viu Silvio Berlusconi, na altura com 73 anos, a ter relações sexuais com Ruby, que tinha 17. Michelle dirá ainda, quando for testemunhar no dia 21 deste mês, que viu o ex-chefe de Governo italiano a pagar 5000 euros à jovem marroquina em troca do ato sexual.

Prisão até 15 anos

Se o Ministério Público conseguir provar as acusações, Silvio Berlusconi incorre numa pena de prisão que pode chegar até aos 15 anos.

O antigo primeiro-ministro italiano sempre negou ter pago dinheiro a Ruby em troca de relações sexuais. No entanto, Berlusconi admitiu que lhe tinha dado dinheiro por ser uma pessoa generosa e ter pena da jovem.

Até serem conhecidas estas revelações de Michelle Conceição, não havia provas de que tivesse havido nenhuma relação de facto entre os dois.