Siga-nos

Perfil

Expresso

Atualidade / Arquivo

Irlanda: Descoberto navio espanhol da Armada Invencível

O governo Irlandês anunciou a descoberta de um navio espanhol da Armada Invencível. Um achado que se pode vir a revelar muito útil para a comunidade arqueológica.

Tiago Oliveira (www.expresso.pt)

Um navio espanhol, que se julga pertencer à Armada Invencível do século XVI, foi descoberto ao largo do Condado de Donegal, no noroeste da Irlanda. O achado foi hoje anunciado pelo Governo irlandês através do ministro da Cultura e Património, Jimmy Deenihan.



O ministro realçou a "enorme importância" da descoberta, não só para a Irlanda como também para toda "a comunidade arqueológica, histórica e marítima internacional. Poderá fornecer muitas informações sobre a vida a bordo e sobre a realidade dos recursos militares e navais disponíveis para a campanha da Armada", afirmou hoje Deenihan aos microfones da Radiotelevisão Irlandesa (RTE).



O ministro revelou igualmente que o Governo vai conceder um subsídio para que um grupo de arqueólogos marinhos investigue de forma detalhada os escombros do navio, de modo a obter as melhores condições possíveis. Dos destroços já recolhidos, foi possível concluir que o navio se encontra afundado em águas "relativamente pouco profundas" e que pertence à Armada Invencível, acrescentou o responsável.

Um exército sobre a água

A embarcação afundou-se no século XVI, quando se dirigia - inserida na Armada Invencível Espanhola -, à costa inglesa para conseguir o que nunca ninguém tinha alcançado antes (e até agora). Constituída por 130 barcos com 8.253 marinheiros e mais de 19.295 soldados, a frota tinha como objetivo invadir e ocupar o reino de sua majestade.



Contudo, além da marinha britânica, a Armada teve igualmente que lutar contra as adversidades da Natureza, responsável pela destruição de inúmeros navios. De tal forma que levou o então rei espanhol, Filipe II, a afirmar que não tinha enviado os "barcos para lutarem contra as intempéries".