Siga-nos

Perfil

Expresso

Atualidade / Arquivo

Francisco Assis: Cavaco Silva fez "um discurso sectário"

Francisco Assis considerou que o discurso de Cavaco Silva não foi "próprio de um Presidente de todos os portugueses".

O líder parlamentar do PS considerou hoje que o discurso de tomada de posse de Cavaco Silva como Presidente da República foi "de fação" e "sectário", afirmando que Portugal não precisa de uma crise institucional.

"Julgo que não foi um discurso próprio de um Presidente de todos os portugueses, foi mais um discurso de fação, um discurso sectário.

Espero que rapidamente seja retomada uma linha de atuação que, no essencial, marcou o primeiro mandato, em que houve essa preocupação de agir com isenção e com independência", declarou Francisco Assis aos jornalistas, no Parlamento, no final da cerimónia de tomada de posse de Cavaco Silva para um segundo mandato presidencial.

"O país não precisa de acrescentar uma crise no relacionamento institucional entre os principais órgãos de soberania à situação que vivemos hoje já aqui no Parlamento marcada por uma grande conflitualidade resultante da inexistência de uma maioria absoluta", acrescentou o líder parlamentar do PS.