Expresso

Siga-nos

Perfil

Perfil

Atualidade / Arquivo

"Euphoria" vence Festival da Eurovisão

  • 333

Eram 26 na final e a Suécia sobressaiu. O Festival da Canção da Eurovisão, este ano realizado num país sob forte ditadura, tem um vencedor e uma polémica sobre a escolha do palco.

Anabela Natário (www.expresso.pt)

Entre 26 finalistas, foi a canção "Euphoria" interpretada por Loreen, da Suécia, que conquistou, com 372 pontos, o primeiro lugar do Festival da Eurovisão 2012, realizado sábado em Baku, no Azerbaijão. 

"Obrigado pelo vosso apoio, do fundo do coração", disse a vencedora ao receber o prémio, dirigindo-se a todos quantos "acreditaram nela". Quando lhe perguntaram como tinha chegado à vitória, respondeu: "dormi muito, comi muito e tentei não pensar muito no meu desempenho. Para ser honesta, eu sou uma pessoa tímida. Para o público sueco, gostaria de agradecer ter-me dado esta oportunidade".

Lorine Zineb Noka Talhaoui, de seu nome completo, tem 28 anos e nasceu na cidade sueca de Västerås, filha de pais marroquinos. Ficou conhecida em 2004, ao obter o quarto lugar no programa "Ídolos". No ano seguinte, lançou o seu primeiro single "The Snake", com o grupo Rob'n'Raz. Atualmente, é cantora e produtora musical.

Portugal não participou na final. A música "Vida Minha", interpretada por Filipa Sousa, não passou a semi-final. Na quinta-feira, a canção portuguesa, com influência do Fado, não passou à fase seguinte tal como a Holanda, Bielorrússia, Bulgária, Croácia, Geórgia, Eslováquia e Eslovénia.

Na Grande Final, realizada no Palácio de Cristal de Baku, mandado construir om 23 mil lugares para albergar a Eurovisão, participaram, além da Suécia, a Albânia, Azerbeijão, Bósnia Herzegívina, Chipre, Dinamarca, Espanha, Estónia, Macedónia, França, Alemanha, Grécia, Hungria, Islândia, Irlanda, Itália, Lituânia, Malta, Moldávia, Noruega, Reino Unido, Roménia, Rússia, Sérvia, Turquia e a Ucrânia.

Com esta vitória, a Suécia regista o quinto triunfo no festival, depois dos êxitos em Brighton, com os Abba, em 1974, Luxemburgo (1984), Roma (1991) e Jerusalém (1999).

Veja a canção de Loreen, da Suécia.