Siga-nos

Perfil

Expresso

Atualidade / Arquivo

Cavaco desvaloriza críticas da Comissão Europeia ao PEC

O Presidente da República desvalorizou hoje, durante a viagem para a República Checa, as críticas feitas pela Comissão Europeia ao Programa de Estabilidade e Crescimento (PEC), afirmando que "essa é uma resposta normal".

Luisa Meireles, enviada a Praga (www.expresso.pt)

"Não se deve valorizar demasiado", disse o Presidente numa declaração exclusiva ao Expresso. "É uma resposta comum da Comissão Europeia, que passaria despercebida se não fosse a situação actual da Grécia", disse Cavaco Silva, no avião que o levou até à República Checa.

"Essa avaliação só ganha relevância à luz dos acontecimentos naquele país", reiterou o Chefe de Estado, chamando a atenção para os comentários igualmente rigorosos feitos pela Comissão aos programas apresentados por outros países.

Recorde-se que a Comissão terá considerado como "insuficientes" as medidas previstas pelo PEC para restabelecer o equilíbrio das finanças públicas, segundo revelou a imprensa.

Visita à República Checa

Cavaco Silva respondeu à pergunta do Expresso já no avião que o levou hoje a Praga, numa visita oficial de três dias.

O Presidente manterá encontros políticos com o seu homólogo Vaclav Klaus, bem como o Primeiro-ministro, o Presidente do Senado e o presidente da Câmara de Praga.  A situação na União Europeia e o novo conceito estratégico da NATO, que deverá ser aprovado na cimeira da organização, marcada para Novembro, em Lisboa, serão alguns dos temas da agenda de conversações.

Na sexta-feira, Cavaco Silva inaugurará um seminário económico entre empresários portugueses e checos e deslocar-se-á à Universidade Carolina, onde se encontrará com estudantes portugueses.

A deslocação é marcada por um certo "low profile", atendendo a que, da parte do Governo, apenas os secretários de Estado dos Assuntos Europeus, Pedro Lourtie, e da Energia e Inovação, Carlos Zorrinho, integram a comitiva presidencial. Deputados do PS, PSD, CDS e PCP, bem como três dezenas de empresários acompanham também o Presidente da República.