Siga-nos

Perfil

Expresso

Atualidade / Arquivo

Alexandre Relvas e Balsemão apoiam Mendes

Director de campanha de Cavaco é o mandatário nacional da recandidatura do líder social-democrata.

Alexandre Relvas, o homem a quem Cavaco Silva chamou, durante a campanha presidencial, o seu "Mourinho", é o mandatário nacional da campanha de Marques Mendes para as directas de 28 de Setembro. Um apoio que, não sendo uma surpresa (Relvas já tinha aceite ser o redactor do programa eleitoral para 2009) acaba por ser a confirmação do aval dos cavaquistas à continuidade do líder social-democrata.

Boa parte dos ex-ministros e barões conotados com o Presidente da República fazem parte da comissão de honra da recandidatura de Mendes. Um órgão que, soube-se esta tarde, é presidido por Francisco Pinto Balsemão, militante número 1 do PSD.

Ao apresentar estes dois nomes, em conferência de imprensa, Marques Mendes sublinhou o "sinal claro" que pretende dar com tais escolhas: "Quero um Partido inconformado, ganhador e com espírito de ambição para Portugal."

Marques Mendes sublinhou, por outro lado, que "estas eleições directas não se destinam apenas a escolher o líder do partido", lembrando que "delas vai sair o candidato do PSD a primeiro-ministro". Aliás, o slogan da sua recandidatura nãop podia ser mais explícito: "Governar em 2009".