Siga-nos

Perfil

Expresso

Atualidade / Arquivo

40 ocorrências no Pingo Doce

Um desentendimento entre dois clientes num Pingo Doce na Senhora da Hora, no Porto, provocou dois feridos.

A Polícia de Segurança Pública registou 40 ocorrências nas áreas metropolitanas de Lisboa e do Porto relacionadas com a campanha de 50% de desconto para compras superiores a 100 euros nos supermercados Pingo Doce, informou hoje a corporação.

Segundo fontes dos Comandos Metropolitanos de Lisboa e do Porto, registaram-se um total de 40 ocorrências, 32 das quais na área metropolitana da capital e as oito restantes na cidade invicta.

Fonte do Comando Metropolitano do Porto disse também à agência Lusa que um desentendimento entre dois clientes num estabelecimento comercial na Senhora da Hora provocou dois feridos, que foram transportados para o Hospital Pedro Hispano, no Porto.

Agressões entre clientes

De acordo com uma nota divulgada terça-feira pela PSP, "a maior parte das ocorrências tiveram como origem a dificuldade de estacionamento e de trânsito" junto aos supermercados Pingo Doce, o que obrigou a PSP a "mobilizar meios humanos e materiais para resolver os problemas".

A mesma nota refere que a PSP registou "ocorrências em quase todos os distritos do país" e que uma "elevada percentagem de situações" foram motivadas quando os clientes começaram a deparar-se com produtos esgotados.

Segundo o mesmo texto, foram registadas "agressões entre clientes", em Lisboa, em duas superfícies da Amadora, e uma em Loures, onde "houve a necessidade de conduzir um homem à esquadra para identificar e registar a ocorrência".

A Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE) está a investigar a campanha de desconto do Pingo Doce, que segundo o Sindicato dos Trabalhadores do Comércio foi ilegal.

.
1 / 9

.

.
2 / 9

.

.
3 / 9

.

.
4 / 9

.

.
5 / 9

.

.
6 / 9

.

.
7 / 9

.

.
8 / 9

.

.
9 / 9

.