50
Anterior
50 ideias frescas para o verão
Seguinte
A primeira página do Expresso Economia
Página Inicial   >  Capas  >  A primeira página do Expresso

Opinião


Multimédia

Retrato político de um país livre

Traçámos um mapa partindo dos resultados das eleições para a Assembleia Constituinte de 1975 e dos resultados das últimas eleições legislativas em 2011. O que mudou ao longo desse tempo? Como é que cada concelho votou em 1975 e em 2011? E como evoluiu a abstenção? Clicando sobre o ano e depois sobre os concelhos, no mapa ou no filtro, surgem as respostas.

Quase ninguém ficou em casa

Foi num 25 de Abril como o deste sábado, mas há 40 anos e numa liberdade então recentemente tomada: a 25 de Abril de 1975, Portugal testemunhou as primeiras eleições livres e universais após quase meio século de ditadura. Estas são as histórias, os retratos, os apelos e as memórias de um tempo que mudou o rosto do país.

Edwin. O rapaz que aprendeu a sonhar

O que Edwin sabia sobre a vida era sobreviver. Na cabeça dele não cabiam sonhos e os dias eram passados à procura de comida para ele e para a mãe e para o irmão. A fome espreitava nos cantos da barraca de palha no Quénia e ele escondia-se dela como podia - chupar as pedras era uma forma de a enganar. Mas a sorte dele mudou porque alguém viu nele outra coisa. E tudo começou numa dança. Agora, os mesmos dedos que agarravam as pedras tocam hoje teclas de um piano Bechstein. E os pés dele já não estão nus mas calçados. Com chuteiras. Primeiro no Benfica, agora no Estoril, o miúdo de 15 anos que fala como gente grande descobriu que tinha um sonho: ser futebolista. Como Drogba.

26 mil esferográficas, 14 mil urnas e 760 quilos de lacre. Os números de uma eleição histórica

Mais de mil caixas de lacre foram usadas pelas secções de voto que por todo o país, no dia 25 de abril de 1975, recolheram os boletins de milhões de eleitores. O Expresso percorreu os quatro mapas de despesas das eleições para a Assembleia Constituinte, elaborados pelo STAP, para saber quanto dinheiro esteve envolvido, onde e como foi gasto. Cada valor em escudos foi convertido para euros a preços correntes, tendo em conta a inflação. 

Todas as ilhas têm a sua nuvem

Raul Brandão chamou-lhe 'A Ilha Branca'. Como viajante digo que tem um verde diferente das outras oito que com ela formam o arquipélago dos Açores. É tenra, mansa, repousante e simultaneamente desafiante. Esconde segredos como a lenda da Maria Encantada e um vulcão florestado a meio do século passado que nos transporta para uma dimensão sulfurosa e mágica. Obrigatória para projetos de férias de natureza.

Em três quartos de hora não se esquece só a idade. "Esquece-se o mundo"

Maria do Céu dá três voltas ao lar sempre que pode. Edviges vai a todos os velórios, faz hidroginástica e sopas de letras. António dá um apoio na Igreja e nos escuteiros. Tudo é uma ajuda para passar os dias quando se tornam todos iguais. No Pinhal Interior Sul, a região mais envelhecida da União Europeia, quase um terço da população tem mais de 65 anos. Os mais velhos ficaram, os mais novos partiram.

Profissão: Sniper

O Expresso foi ver como são selecionados, que armas usam, para que missões estão preparados os snipers da Força de Operações Especiais do Exército. São uma elite dentro da elite. Um pelotão restrito. Anónimo. Treinam diariamente com um único objetivo: eliminar um alvo à primeira, mesmo que esteja a centenas de metros. Humano ou material. Sem dramas morais, dizem.

Xarém com conquilhas

Especialista em pratos de confeção acessível, com ingredientes ao alcance de qualquer pessoa, Tiger escolheu a gastronomia como forma de estar na vida. Veja, confecione, desfrute e impressione com esta nova receita.

O que se passa dentro da cabeça dele

O que leva um tipo a quem iam amputando uma perna a regressar ao sítio onde os ossos se desfizeram, uma e outra vez, e testar os limites do seu corpo? Resposta: a busca pelo salto perfeito, que ele diz existir dentro dele e que ele encontrará mais dia menos dia. É a fé e a confiança que o movem e o levam a pular para lá do que é exigido a um campeão olímpico e mundial que não tem mais nada a provar a ninguém - a não ser a ele próprio. Este é um trabalho que publicámos em agosto de 2014, quando o saltador se preparava para os Europeus e falava das metas que tinha traçado para 2015 e 2016: mostrar que não estava acabado. Sete meses depois, provou-o no Europeu de pista coberta em Praga, onde venceu este fim de semana.

Amadeu, que aprendeu o mundo no campo e tinha o coração na ponta dos dedos

Em Portugal, a dedicação à língua mirandesa tem nome próprio: Amadeu Ferreira, o jurista da CMVM que - quando todos diziam que "era uma loucura impossível" - arranjou tempo para traduzir "Os Lusíadas", a "Mensagem", os quatro Evangelhos da Bíblia e ainda duas aventuras do Asterix para uma língua que pertence a um cantinho do nordeste português e é falada por menos de 15 mil pessoas. No final de 2014 deu ao Expresso aquela que viria a ser a sua última entrevista. Morreu no passado domingo e esta quinta-feira foi lançada a sua biografia, "O fio das lembranças", com quase 800 páginas.

Temos 16 imagens que não explicam o mundo, mas que ajudam a compreendê-lo

O júri do World Press Photo queria dar o prémio maior da edição deste ano (e talvez das edição todas) a uma fotografia com "potencial para se tornar icónica". A primeira imagem desta fotogaleria, por ser "esteticamente poderosa" e "revelar humanidade", é o que o júri procurava. A fotografia de um casal homossexual russo, a grande vencedora, é a primeira de 16 imagens de uma seleção onde há Messi desolado, migrantes em condições indignas no Mediterrâneo, a aflição do ébola, mistérios afins e etc - são os contrastes do mundo.

Elvis. Gostamos ou não gostamos?

Ele não é consensual, mas é incontornável. Dispunha de penteado majestoso e patilha marota, aparentava olhar matador e pose atrevida. E deixou canções: umas fáceis e outras nem tanto, por vezes previsíveis e às vezes inesperadas, ora gentis ora aceleradas. E ele, Elvis, nasceu em janeiro de 1934 - há precisamente 40 anos, ao oitavo dia. Temos quatro textos sobre o artista: Nicolau Santos, Rui Gustavo, Nicolau Pais e João Cândido da Silva explicam o que apreciam, o que toleram e o que não suportam.

A última viagem do navio indesejado

Construído nos Estaleiros de Viana e pensado para fazer a ligação entre ilhas nos Açores, o Atlântida foi recusado pelo Governo Regional por alegadamente não atingir a velocidade pretendida. Contando com os custos associados à dissolução do contrato, o prejuízo ascendeu a 70 milhões de euros. Foi agora comprado a "preço de saldo", para mudar de nome e ser reconvertido num cruzeiro na Amazónia. Fizemos a última viagem do Atlântida e vamos mostrar-lhe os segredos do navio.

Desfile de vedetas

Saiba tudo sobre os modelos concorrentes ao Carro do Ano 2015/Troféu Essilor Volante de Cristal. Conheça o essencial sobre os 20 automóveis participantes nesta iniciativa, da estética, às características técnicas, do preço ao consumo. A apresentação ficará completa no dia 3 de janeiro.

Tudo o que precisa de saber sobre o ébola. Em dois minutos

Porque é que este está a ser o pior surto da história? Como é que os primeiros sintomas se confundem com os de outras doenças? É possível viajar depois de ter contraído o vírus, sem transmitir a doença? E estamos ou não perto de ter uma vacina? O Expresso procurou as respostas a estas e outras dúvidas sobre o ébola.


Comentários 50 Comentar
ordenar por:
mais votados
Portugal sobe para 7º lugar no clube da
bancarrota. Já cavaco silva quando foi primeiro ministro prometeu colocar Portugal no "pelotão da frente" na Europa....
a bancarrota é o clube de Sócrates!
Não sabes dizer outra coisa...
Ou, do Balsemão, do Cavaco, do Salgueiro
E tu, que és defensor da miséria moral...
A bancarrota de Passos
E...
A verdade pode demorar, mas acaba por chegar
A opinião do...
A opinião...
Boaventura...
Oh oh...
Governo está coeso:Passos e Portas!
E isso é fundamental na hora que passa e a garantia de Portugal continuar o caminho da recuperação e mandar a troika de volta a casa!
23:59, a hora que passa e o tinto que jorra
Sócrates e os 300 milhões nas offshores!
Do mesmo chão de onde tu nunca te levantas...
Olha, o doutô dos 3 doutura mentes
Governo está coeso:Passos e Portas!
ó toni não aprendes nada
Ó pito vira o disco
Cavaco e governo rua....
"o Governo que resulte das próximas eleições poderá contar com um compromisso entre os três partidos que assegure a governabilidade do País" - ao definir PSD, CDS e PS como únicos partidos que podem integrar um "governo de salvação nacional" Cavaco apontou quais os três partidos em quem os portugueses não devem votar, uma vez que foram eles os responsáveis pela venda da soberania nacional aos credores estrangeiros por via do acordo com a Troika. Porque pressente que estas contas são susceptiveis de sair furadas... esta é a razão porque Cavaco não quer eleições imediatas para resolver a crise dos investidores capitalistas e dos banqueiros internacionais com os bolsos cheios de acções sobre a Dívida portuguesa que valem zero das quais se querem livrar a todo o custo. É esta a tarefa a incumbir ao próximo governo neoliberal e Cavaco sabe bem que não pode resolver tal crise pela via democrática.

Financial Times, AFP, Reuters, AP e Bloomberg não perceberam o que disse Cavaco Silva… Não faz mal. Temos a certeza que o próprio Cavaco Silva também ainda não compreendeu metade daquilo que disse aos portugueses. Mas percebe perfeitamente que tipo de Portugal "quer salvar"
in Blogue "o xatoo" com a devida venia

1ª página,
Passos pressiona, depois de ver aquela fila de governantes no parlamento,fez-me lembrar qualquer coisa surreal, ministros que pediram a demissão, outros demitidos!!! Isto tudo é opróbrio, só não perdem as "vergonhas"; Um governo bizarro em perfeito estado de abjeção... Ainda pressionam!!!
Cavaco otimista, em duas penadas este artista lançou o caos na governabilidade, espera-se que tenham vergonha na cara.
  Seguro e as eleições, deixa-te de tretas, essa gente não é confiável, os resultados estão à vista de todos...
Governo ainda acredita na remodelação, coitado do Álvaro tem que andar nesta tragicomédia!!!
Portugal, 1973 - Foi hoje a enterrar um português que participou na alteração das nossas vidas, um bem haja ao tenente coronel Lopes Pires.
Os pais e os truques, digam lá que não há muitos portugueses chicos espertos...
Comissão de Lobo Xavier, Eles sabem bem o que querem!!!

Avaliação da CGD, cuidado, podeis nomear os boys por 15 meses, não pensem em dar este banco aos ditos...
1ª Página

Passos pressiona Cavaco: O Farsola pantomineiro a dar uma de "mestre de porra nenhuma".

Cavaco optimista: Eu também. Eleições em Setembro em conjunto com as autárquicas. Acaba-se o argumento do "eleições são caras".

Seguro não abdica: Abdique da data, já que em Junho estraga as férias dos doutos donos da democracia.

Governo acredita: Vai sim passar em Belém, em bando organizado, para receber a guia de marcha.

Portugal 1973: O retrato de um País que este PSD deve invejar. Amordaçado; com uma ala dita liberal muito assimilada; galerias da AR sem carrascos dos políticos; muito respeitadora do partido único; zelosa dos usos e costumes; comezinha e caritativa, distribuindo sopa aos pobres em quase todos os bairros.
Acredito até que os agora ditos pêéssedê, tenham em projecto uma obra que em 73 era um orgulho: A sopa do Sidónio; que a implementar de novo se chamará a sopa do Passos, esse messias que vindo de Massamá, abnegado e altruísta transformou a pobreza em miséria.
A Democracia é um poder emanado do povo..
A alternativa é o Socialismo democrático...
Alguns países da Europa estão a ser vitimas de uma autêntica quadrilha financeira com uma agenda ideológica com ligações a gente ligada ao Banco Goldman Sachs como consultores, alguns até fazem parte de governos ou até outros na clandestinidade, com a cúmplicidade de mercenários que ocupam cargos do poder que lhes dão cobertura. Pretendem o dominio da Europa sem se preocuparem com cada País e seus cidadãos, porque sabem como aconteceu a outros que quando sairem do poder depois do trabalho feito têm altos cargos em grupos financeiros e económicos ou nas instãncias europeias. Apopulação tem que perder o mêdo e resistir a este golpe de Estado que está em marcha contra a própria Democracia já bastante fragilizada.....

Sem dúvida...
E...
ÚLTIMA HORA
Mercosur chama os seus embaixadores da Europa
 
A primeira página do Expresso
Regime Presidencialista.
É chegada a altura de mudar de regime salvar o que resta e unir os cacos.
Pacheco Pereira "Executivo não passa de navio fantasma cheio de gente morta" "Isto não é um governo, mas um amontoado de gente tratando da sua vidinha", Capucho governo perdeu credibilidade, um novo governo mas sem Passos. Ferreira Leite estamos a fazer sacrifícios para nada. Podia continuar as citações, mas fico por aqui, pois nem teria espaço para tal. Para grandes males grandes remédios. Há que cortar o mal pela raiz e fazer uma desinfeção geral à casa e matar todas as baratas. Cavaco, Passos, Portas e agora Assunção Esteves , já provaram que não servem para conduzir o País num momento tão difícil. Seguro ainda não teve hipótese de provar nada, mas o País não está em condições de fazer experiências e a última foi desastrosa como se está vendo. Há quem fale em Rui Rio e António Costa e sem dúvida os preferidos de uma larga maioria dos portugueses. No entanto o homem certo para o momento atual dá pelo nome de Sócrates. Aposto que não esita dormir com Merkel para salvar o País. Tem o dom de provocar ódios e amores característica dos grandes homens. Só ele pode salvar Portugal.

viriatoapedrada.blogspot.pt/2013/07/governo-navio-fantasma-gente-morta.html

viriatoapedrada.blogspot.pt/2013/03/capucho-governo-perdeu-credibilidade.html

viriatoapedrada.blogspot.pt/2013/05/ferreira-leite-sacrificios-para-nada-deo.html
Retrato para limpar 1ª pág. Washington Post.
A semana passada, o Washington Post, mostrou uma reportagem de um Portugal triste, de 2013, na sua 1ª página.

Eu ainda acho o Expresso, o jornal mais independente e livre, que temos em Portugal. Mas ás vezes, faz-me lembrar a rede Globo do Rio de Janeiro, que nunca mostra notícias de violência nem de pobreza (a chamada Globo Censura)

Ainda por cima com uma foto do nosso soposto Presidente, que afinal é só Presidente do PSD e CDS, e que julga mandar também no PS... sorridente, como se a decisão que tomou, fosse a melhor para o nosso país, desrespeitando os trabalhadores, reformados e pobreza em geral.
Ora "portantos"...
Irrevogável... portanto... dessimulação...portanto
O que legitima o Governo...
O que legitima um governo...
Até concordo, se me descobrir quem são esses...
Muita publicidade do PS, PSD e CDS...
Ruído de nazi-comunista!
Ruído de nazi-comunista!
Ruído de nazi-comunista!
Ruído de nazi-comunista!
A culpa é do Moedas.

Ele bem se farta de batalhar no monitor da Bloomberg, mas os mercados já não o acham credível.
Não era ele o credível !
"A credibilidade do Moedas é zero"
Mas quem raio será esta pérola do fascismo
Este nazi tem 3 doutura mentes
É um monte de merda falante!
E de facto entenderam.
Derrota do secretismo do LOTEAMENTO DE 4 HOSPITAIS

Esta semana assistiu à derrota de A. Costa e Salgado, que apenas com um pequeno anúncio de jornal no dia 25 informaram duma consulta e discussão de 4 projetos da Estamo/Min. Finanças de loteamento dos Hospitais de S. José, Miguel Bombarda, Sta Marta e Capuchos.
Tentaram passar despercebibos.
Mas sempre há cidadãos atentos. Que começaram a denunciar os ditos projetos, e tanto que forçaram os Media a divulgar o ESCÂNDALO.

DEMOLIÇÕES GENERALIZADAS e CONSTRUÇÂO MASSIVA, em tudo o que não está classificado, sem respeito pelas Zonas de Proteção, e sem respeito pela história e pela paisagem identitária da Lisboa antiga.

Cartazes nos bairros, milhares dde comunicados e até abaixo-assinados, organizações de defesa do património a emitir comunicados ...

RESULTADO : Costa teve medo, pela campanha eleitoral, e adiou o prazo de discussão até ao fim do mês e a decisão para depois das eleições ... quando estiver mais à vontade.

Há que EXIGIR a Costa e aos outros candidatos, que digam CLARAMENTE se são a favor ou contra este loteamento, este saldo especulativo de destruição da zona histórica e da memória colectiva da cidade, vendendo hospitais sem estudos prévios e sem discussão e propostas sérias.

Vender em lotes, como se de couves se tratasse, Hospitais Centrais em funcionamento, os melhores de Lisboa, para forçar o seu encerramento, para fazer uma PPP no previsto Todos os Santos, em Chelas.
...
Há algo que não bate certo
O que não bate certo é tu existires
Olha, o doutô dos 3 doutura mentes
Comentários 50 Comentar

Últimas

Receba a nova Newsletter
Ver Exemplo

Pub