Copiloto da Germanwings interrompeu formação devido a crise nervosa

Nova Iorque. Explosão em edifício provoca incêndio de grandes dimensões

Anterior
1. Cortar o cabelo faz com que fique mais forte?
Seguinte
3. As máquinas de abdominais são a melhor forma de tornar os músculos ...
Página Inicial   >  Dossiês  >  Dossiês Tecnologia e Ciência  >  Ciência com humor  >  2. Um homem consegue perceber se a mulher está a fingir o orgasmo?

2. Um homem consegue perceber se a mulher está a fingir o orgasmo?

O jornalista Anahad O'Connor, do 'The New York Times', reuniu num livro com um título bem humorado as respostas científicas às perguntas que todos nós fazemos sobre a saúde e o mundo que nos rodeia. E desfaz muitos dos mitos que andam na nossa cabeça desde a infância.
Não tome banho em dias de tempestade

O jornalista Anahad O'Connor, do 'The New York Times', reuniu no livro com um título bem humorado ("Não tome banho em dias de tempestade") as respostas científicas às perguntas que todos nós fazemos sobre a saúde e o mundo que nos rodeia. E desfaz muitos dos mitos que andam na nossa cabeça desde a infância.

Clique para ler Ciência com humor , onde, até dia 30 de Janeiro, publicaremos a resposta a uma pergunta. Aproveite e deixe a sua opinião.



2. Um homem consegue perceber se a mulher está a fingir o orgasmo?

Uma olhadela pelos vários inquéritos mostra que entre 50% a 70% das mulheres dizem que já fingiram o orgasmo numa ocasião ou noutra, a maior parte das vezes porque ou queriam agradar a um homem, ou estavam nervosas ou stressadas, ou, para citar uma deixa de Seinfeld (da série da TV), porque já chegava e queriam simplesmente conseguir dormir.

Os inquéritos que perguntam aos homens se acreditam que estiveram alguma vez na situação de receber um falso orgasmo são muito mais difíceis de encontrar. Mas as observações do meu percurso sugerem que, num inquérito assim, a percentagem de homens que admitiriam ter vivido essa situação cairiam para qualquer coisa entre 0% e 1%.

Nenhum homem quer acreditar que não foi capaz de satisfazer uma amante na cama apesar dos seus melhores esforços. E talvez as mulheres sejam simplesmente melhores a fingir do que os homens a detectar. Muitas mulheres parecem pensar que é precisamente esse o caso.

Uma amiga minha fez um sorriso sarcástico quando lhe perguntei se um homem seria capaz de o afirmar dizendo que eu estava destinado a escrever uma das peças jornalísticas mais pequenas da história porque a resposta correcta consiste obviamente numa única palavra: não.

Mas seja qual for a vossa postura relativamente ao orgasmo fingido, para muitas mulheres - e para alguns homens, involuntariamente, ao que parece - faz parte da vida. A verdade é que enquanto os sinais dos orgasmos femininos variam muito de uma mulher para a outra, há certas características que são inconfundíveis e garantidas.

As mulheres podem aperfeiçoar as suas capacidades de representação como quiserem, mas um observador perspicaz com conhecimento suficiente de fisiologia poderá provavelmente saber. Deixemo-nos de histórias, se os orgasmos fossem tão facilmente forjados poderiam não ser tão cobiçados.

De acordo com sondagens, estudos e textos médicos, cada orgasmo feminino é precedido por quatro estádios. Não são diferentes dos estádios que antecedem o orgasmo masculino. No primeiro estádio, o clítoris fica erecto, os dois terços internos da vagina incham e a pele em volta fica mais escura.

Isto são sinais de que está a aumentar o fluxo sanguíneo nessa zona. No segundo estádio os mamilos endurecem e as mamas tornam-se sensíveis. Depois vem o terceiro estádio, que tem a ver com a respiração. O ritmo respiratório torna-se mais rápido, mais curto e mais profundo, e nalguns casos até rítmico, à medida que o corpo tenta inalar mais oxigénio.

Depois, precisamente antes do todo-importante estádio de clímax, a parte de cima do corpo fica corada, o pescoço da mulher e o peito ficam vermelhos e as faces ganham uma tonalidade rósea.

É aqui que o Vesúvio está prestes a explodir. O que se segue a seguir são espasmos musculares que se estendem por todo o corpo, particularmente na vagina, no útero e na zona pélvica. As primeiras contracções são as mais fortes. À medida que isto acontece, as coxas da mulher tremem ligeiramente e as costas arqueiam-se e alongam-se incontrolavelmente.

Os sons são uma boa forma de revelação. Os gemidos suaves e as frases incompletas são sinais de que um orgasmo pode ser verdadeiro. Se uma mulher profere uma frase coerente ou grita tão alto que acorda os vizinhos, há hipóteses de ela estar a fingir.

Durante o clímax, o corpo liberta oxitocina, endorfinas e outras hormonas agradáveis que induzem sentimentos de vertigem, calor agradável e relaxamento. Nas mulheres, esta corrida de hormonas e emoções resulta num breve pico que permanece a rondar mesmo quando o sexo acabou. Por isso, se uma mulher começa a falar sobre organizar o seu armário imediatamente a seguir ao sexo ou salta da cama como se nada tivesse acontecido, então as hipóteses são de que não aconteceu mesmo nada.

Um repórter de ciência e saúde

Anahad O'Connor, de 27 anos de idade, nasceu e vive em Nova Iorque, licenciou-se em psicologia pela Universidade de Yale e é repórter do The New York Times desde 2003, cobrindo nomeadamente as áreas da ciência e da saúde. Tem ainda uma coluna semanal no mesmo jornal, a "Really?", que sai à terça-feira na secção Science Times. Quem quiser pode pôr-lhe qualquer questão sobre saúde. Basta enviar um mail para sctimes@nytimes.com e esperar pela resposta. O próprio repórter faz um apelo aos leitores do seu livro para lhe enviarem "uma pergunta persistente sobre saúde que tem andado a incomodá-lo e que gostaria de ver respondida".


Opinião


Multimédia

Edwin. O rapaz que aprendeu a sonhar

O que Edwin sabia sobre a vida era sobreviver. Na cabeça dele não cabiam sonhos e os dias eram passados à procura de comida para ele e para a mãe e para o irmão. A fome espreitava nos cantos da barraca de palha no Quénia e ele escondia-se dela como podia - chupar as pedras era uma forma de a enganar. Mas a sorte dele mudou porque alguém viu nele outra coisa. E tudo começou numa dança. Agora, os mesmos dedos que agarravam as pedras tocam hoje teclas de um piano Bechstein. E os pés dele já não estão nus mas calçados. Com chuteiras. Primeiro no Benfica, agora no Estoril, o miúdo de 15 anos que fala como gente grande descobriu que tinha um sonho: ser futebolista. Como Drogba.

Em três quartos de hora não se esquece só a idade. "Esquece-se o mundo"

Maria do Céu dá três voltas ao lar sempre que pode. Edviges vai a todos os velórios, faz hidroginástica e sopas de letras. António dá um apoio na Igreja e nos escuteiros. Tudo é uma ajuda para passar os dias quando se tornam todos iguais. No Pinhal Interior Sul, a região mais envelhecida da União Europeia, quase um terço da população tem mais de 65 anos. Os mais velhos ficaram, os mais novos partiram.

Profissão: Sniper

O Expresso foi ver como são selecionados, que armas usam, para que missões estão preparados os snipers da Força de Operações Especiais do Exército. São uma elite dentro da elite. Um pelotão restrito. Anónimo. Treinam diariamente com um único objetivo: eliminar um alvo à primeira, mesmo que esteja a centenas de metros. Humano ou material. Sem dramas morais, dizem.

Xarém com conquilhas

Especialista em pratos de confeção acessível, com ingredientes ao alcance de qualquer pessoa, Tiger escolheu a gastronomia como forma de estar na vida. Veja, confecione, desfrute e impressione com esta nova receita.

O que se passa dentro da cabeça dele

O que leva um tipo a quem iam amputando uma perna a regressar ao sítio onde os ossos se desfizeram, uma e outra vez, e testar os limites do seu corpo? Resposta: a busca pelo salto perfeito, que ele diz existir dentro dele e que ele encontrará mais dia menos dia. É a fé e a confiança que o movem e o levam a pular para lá do que é exigido a um campeão olímpico e mundial que não tem mais nada a provar a ninguém - a não ser a ele próprio. Este é um trabalho que publicámos em agosto de 2014, quando o saltador se preparava para os Europeus e falava das metas que tinha traçado para 2015 e 2016: mostrar que não estava acabado. Sete meses depois, provou-o no Europeu de pista coberta em Praga, onde venceu este fim de semana.

Amadeu, que aprendeu o mundo no campo e tinha o coração na ponta dos dedos

Em Portugal, a dedicação à língua mirandesa tem nome próprio: Amadeu Ferreira, o jurista da CMVM que - quando todos diziam que "era uma loucura impossível" - arranjou tempo para traduzir "Os Lusíadas", a "Mensagem", os quatro Evangelhos da Bíblia e ainda duas aventuras do Asterix para uma língua que pertence a um cantinho do nordeste português e é falada por menos de 15 mil pessoas. No final de 2014 deu ao Expresso aquela que viria a ser a sua última entrevista. Morreu no passado domingo e esta quinta-feira foi lançada a sua biografia, "O fio das lembranças", com quase 800 páginas.

Temos 16 imagens que não explicam o mundo, mas que ajudam a compreendê-lo

O júri do World Press Photo queria dar o prémio maior da edição deste ano (e talvez das edição todas) a uma fotografia com "potencial para se tornar icónica". A primeira imagem desta fotogaleria, por ser "esteticamente poderosa" e "revelar humanidade", é o que o júri procurava. A fotografia de um casal homossexual russo, a grande vencedora, é a primeira de 16 imagens de uma seleção onde há Messi desolado, migrantes em condições indignas no Mediterrâneo, a aflição do ébola, mistérios afins e etc - são os contrastes do mundo.

Vamos falar de sexo. Seis portugueses revelam tudo o que lhes dá prazer na cama

Neste primeiro episódio de uma série que vai durar sete semanas, seis entrevistados falam abertamente sobre aquilo que lhes dá mais satisfação na intimidade. Sexo em grupo, sexo na gravidez, prazer sem orgasmo e melhor sexo após a menopausa são alguns dos temas referidos nos testemunhos desta semana. O psiquiatra Francisco Allen Gomes explica ainda a razão de muitas mulheres fingirem o orgasmo. O Expresso e a SIC falaram com 33 portugueses que deram a cara e o testemunho de como são na cama. Ao longo das próximas sete semanas, contamos-lhe tudo.

Elvis. Gostamos ou não gostamos?

Ele não é consensual, mas é incontornável. Dispunha de penteado majestoso e patilha marota, aparentava olhar matador e pose atrevida. E deixou canções: umas fáceis e outras nem tanto, por vezes previsíveis e às vezes inesperadas, ora gentis ora aceleradas. E ele, Elvis, nasceu em janeiro de 1934 - há precisamente 40 anos, ao oitavo dia. Temos quatro textos sobre o artista: Nicolau Santos, Rui Gustavo, Nicolau Pais e João Cândido da Silva explicam o que apreciam, o que toleram e o que não suportam.

A última viagem do navio indesejado

Construído nos Estaleiros de Viana e pensado para fazer a ligação entre ilhas nos Açores, o Atlântida foi recusado pelo Governo Regional por alegadamente não atingir a velocidade pretendida. Contando com os custos associados à dissolução do contrato, o prejuízo ascendeu a 70 milhões de euros. Foi agora comprado a "preço de saldo", para mudar de nome e ser reconvertido num cruzeiro na Amazónia. Fizemos a última viagem do Atlântida e vamos mostrar-lhe os segredos do navio.

Desfile de vedetas

Saiba tudo sobre os modelos concorrentes ao Carro do Ano 2015/Troféu Essilor Volante de Cristal. Conheça o essencial sobre os 20 automóveis participantes nesta iniciativa, da estética, às características técnicas, do preço ao consumo. A apresentação ficará completa no dia 3 de janeiro.

Tudo o que precisa de saber sobre o ébola. Em dois minutos

Porque é que este está a ser o pior surto da história? Como é que os primeiros sintomas se confundem com os de outras doenças? É possível viajar depois de ter contraído o vírus, sem transmitir a doença? E estamos ou não perto de ter uma vacina? O Expresso procurou as respostas a estas e outras dúvidas sobre o ébola.

Desacelerámos a realidade para observar a euforia da liberdade

Ela, Jacarandá, é algarvia. Ele, Katmandu, é espanhol. São linces e agora experimentam a responsabilidade da liberdade: foram soltos esta terça-feira numa herdade alentejana, próxima de Mértola, eles que saíram de centros de reprodução em cativeiro. Foi inédito: nunca tinha acontecido algo assim em Portugal. Estivemos lá e ensaiámos o slow motion.


Comentários 30 Comentar
ordenar por:
mais votados
Até é fácil perceber
Se agir como pornostar em berraria e palhaçada = Fingimento. Se estiver seca que nem um carapau = fingimento. Elas podem achar que enganam a malta toda e bla bla bla, honestamente, é tão fácil como um homem fingir porque após muitas utilizações "seca" a fonte e explica-se fácilmente uns "tiros em branco"

Enfim, vou mas é trabalhar
As mulheres fingem mas os homens não se importam
Muitas mulheres após o termino de uma relação atiram á cara do homem que fingiram a maior parte dos orgasmos.E lá vão satisfeitas como se nos tivessem enganado.A questão não é se elas fingem, a questão é se nós nos importamos.Elas que fiquem cientes de uma coisa, um homem só tem uma mulher,mas as outras são tantas.E no tempo em que umas fingem outras estão consoladas.Tenho dito.
???ESTE GAJO NÃO TEM ORGASMOS HÄ MUITO
Guerra dos sexos?
...
o "sexo" é mais "real" na idade adolescente, aí nada se finge... tudo é autêntico
OU ÉS MUITO NOVINHO
Re: ...
E os homens que fingem?...
E as mulheres conseguem perceber quando um homem finge o orgasmo?
FINGIR???EU NEM COM O VIAGRA CONSIGO
Percepções
Se o macho for daqueles primatas trogloditas... duvido muito que perceba minimamente o que ali está a fazer, quanto mais importar-se com o facto de a mulher estar a ter ou a fingir que tem uma coisa chamada orgasmo.
Re: Percepções
Mulheres...
As mulheres só se prejudicam a elas próprias ao fingir o orgasmo. O homem fica a achar que ela gostou, e da próxima vez vai agir exactamente do mesmo modo, partindo do princípio que "se resultou antes, vai resultar de novo", quando afinal os seus métodos não são eficazes.
Eu pegava de empurrão, agora arranjei turbo
A pergunta correcta seria:
Quantos homens se preocupam se a mulher fingir o orgasmo?
Claro que sim........!
Caro que sim. A mulher quando está no ponto rebuçado "luta" pelo seu orgasmo, o homem sente todo o seu corpo (da mulher) a vibrar, todo ele participa no acto. Após o orgasmo, a mulher desfalece fica relaxada. Claro que falo de mulheres cujo conceito de pecado passou ao lado, daquelas que gostam de sexo. Já agora (em jeito de provocação) como homem pergunto, não haverá uma leitora do expresso disposta a tentar enganar - me com o seu falso orgasmo?
Não sei nada disto mas.......
O sexo muitas vezes é o reflexo do nosso dia a dia, com as ansiedades que levam a que o homem pareça uma máquina a vapor prestes a explodir, a mulher que insiste em pensar em 50 coisas ao mesmo tempo.
Basicamente, fingimentos e o demais apenas acontecem porque nem para o raio de um bom tempinho temos para passar na cama, qtos de nós não estamos a trabalhar neste momento, apenas tirámos 2 minutos para ler isto e dar um palpite,
pessoal vamos todos sair antes das 23 e chegar a casa e o resto acho que não é preciso fazer um desenho ;)
Na qualidade de bom militatante cá na terra:
catolico apostolico portugues, judeu, musulmano, budista e outros disidentes que tais, só me preocupo com o periodo menstrual/ovocito para uma eficaz reprodução afim de ganhar o reino dos ceus e recomendar-vos a vós todos reprodutores sem prazer, ao sobrenatural, para a vida eterna. Amem!
????
A verdade é que tinha pensado escrever em relação a este artigo até que me apercebí que, a maioria dos comentários que há expostos são, acho eu, todos de hómens pelo que... não têm nenhúm pesso de força os seus comentários já que por muito que comentem, opinem, acreditem ou leiam.... só as mulheres poderemos corroborar estes dados
:P
Re: ????
Pero te has enterado, verdad?
O João Luis Ferreira...
O João Luis Ferreira gosta mais daquilo...
Tenho 88 anos de idade.
O que é isso de orgasmos? Compra-se aonde?
Claro
Um Homem consegue sempre perceber...
Mas um qualquer homem que se julga machão é capaz de ser enganado sempre...
Também é preciso saber fingir para não deixar perceber, não é para qualquer uma...ehehehe
Vós sabeis...
Amigos, vós sabeis porque é que as mulheres fingem o orgasmo?? Porque pensam que nós ligamos....
ahahahahahhahahahahahahahah
Vós sabeis...que o cjours não consegue põ-lo de PÉ
Comentários 30 Comentar

Últimas

Receba a nova Newsletter
Ver Exemplo

Pub